Coimbra  1 de Dezembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Grupo não docente apresenta candidatura ao Conselho Geral e Senado da UC

23 de Outubro 2020 Jornal Campeão: Grupo não docente apresenta candidatura ao Conselho Geral e Senado da UC

Um grupo de profissionais do corpo técnico, não docente, da Universidade de Coimbra apresentou a sua carta de intenções da candidatura ao Conselho Geral e ao Senado da instituição, cujas eleições estão marcadas para 10 de Dezembro.

Unir o pessoal técnico em torno de um projecto diferente, centrado nas pessoas e envolvendo todos os trabalhadores não docentes da UC é o principal objectivo da candidatura “Construir o Futuro, Juntos!”.

O conjunto de linhas orientadoras apresentado assenta num acompanhamento de proximidade em todo o percurso da vida profissional dos trabalhadores da UC.

De destacar aspectos como a contratação de pessoal, os mecanismos de valorização e de reconhecimento do mérito, a (re)qualificação e capacitação permanente dos trabalhadores, a introdução de melhorias no processo de avaliação, a promoção da melhoria das condições laborais, a dinamização e estímulo da mobilidade internacional e a criação de espaços e fóruns de reflexão, abrangendo também momentos de convívio e de partilha e contribuindo para preservar e valorizar o “espírito UC”.

Para além da partilha e reflexão conjunta de propostas e de soluções com os trabalhadores, a estratégia apresentada passa, também, pela criação de um grupo de trabalho alargado, pela colaboração com todos os órgãos de Governo e com os representantes de outros corpos.

Pretende, ainda, a criação de uma plataforma de reflexão e de discussão conjunta entre os representantes do pessoal técnico das diferentes universidades, procurando, por exemplo, contribuir de uma forma mais sólida para a revisão do Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior (RJIES).

A carta, assinada pelos primeiros rostos do projecto a serem apresentados – os primeiros candidatos efectivos e cabeças de lista para o Conselho Geral e Senado, respectivamente, Alexandre Leal e José Miguel Nunes , o mandatário do projecto, Filipe Rocha, e a primeira signatária, Maria João Padez de Castro -, dá ainda abertura para a recepção de contributos e sugestões para a construção do programa a apresentar às eleições de 10 de Dezembro.