Coimbra  25 de Novembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

GNR deteve duas pessoas por furtos na Lousã e em Vila Nova de Poiares

16 de Julho 2020 Jornal Campeão: GNR deteve duas pessoas por furtos na Lousã e em Vila Nova de Poiares

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Lousã, deteve dois homens de 18 e 20 anos, por furtos em residências e armazéns, em Lousã e Vila Nova de Poiares.

A detenção aconteceu na terça-feira (14) e no decorrer da operação, “com origem num processo iniciado em Fevereiro, por furtos em interior de residências e armazéns, os militares da GNR deram cumprimento a dois mandados de detenção e a 10 mandados de busca: cinco domiciliárias, uma numa oficina, uma numa sucateira, uma num armazém e duas em veículos”, revela a força policial.

No cumprimento dos mandados de busca foi apreendido o seguinte material: três plantas cannabis; duas doses de cannabis; uma dose de haxixe; uma arma transformada de calibre 6.35mm; quatro armas de ar comprimido; uma arma com configuração para uso militar; uma mira telescópica; 103 munições; um bastão extensível; uma rebarbadora; um berbequim; seis jerricans; três telemóveis; diversos utensílios de casa.

Os detidos foram presentes a primeiro interrogatório judicial no Tribunal Judicial de Coimbra tendo-lhes sido aplicadas as medidas de coacção de apresentações diárias em posto policial da sua residência, proibição de contacto com arguidos, testemunhas e ofendidos e proibição de sair da localidade onde residem.

Foram, ainda, elaborados 15 autos de contra-ordenação no âmbito da legislação ambiental pelo Núcleo de Protecção Ambiental (NPA) da Lousã.

A operação contou com o reforço da Unidade de Intervenção (UI), do Destacamento de Intervenção (DI) de Coimbra e de dois binómios de detecção de estupefacientes.