Coimbra  29 de Maio de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

GNR apreendeu armas por violência doméstica em Cantanhede e Anadia

8 de Janeiro 2020 Jornal Campeão: GNR apreendeu armas por violência doméstica em Cantanhede e Anadia

O Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas do Comando Territorial de Coimbra da Guarda Nacional Republicana (GNR) apreendeu, ontem (07), cinco armas e 44 munições, em Cantanhede e Anadia, no âmbito de um processo-crime de violência doméstica.

“Na sequência da investigação foi possível apurar que a vítima, uma mulher de 38 anos, foi agredida fisicamente pelo seu marido, um homem de 42 anos, sendo que essas agressões terão tido início ainda na relação de namoro, acompanhadas de ameaças de morte com recurso a armas de fogo”, adiantou a GNR.

Assim, durante a acção policial foi dado cumprimento a um mandado de busca domiciliária e a dois mandados de busca ao seu veículo e a um armazém utilizado pelo mesmo, culminando na apreensão do seguinte material:

  • Uma caçadeira;
  • Uma carabina;
  • Duas armas de ar comprimido;
  • Uma arma de airsoft;
  • 440 fulminantes para cartuchos;
  • 44 munições;
  • Oito cartuchos;
  • 31 doses de anfetaminas;
  • Uma máquina de carregar cartuchos;
  • Duas balanças de precisão;
  • Uma estufa

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Cantanhede, tendo esta acção contado com o reforço do Pelotão de Intervenção do Comando Territorial de Coimbra.