Coimbra  9 de Dezembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Fundação Beatriz Santos recebe congresso internacional

28 de Novembro 2019

O auditório da Fundação Beatriz Santos abriu hoje (28) portas a especialistas nacionais e estrangeiros para debaterem o “Bem-estar, Saúde, Cognição & Desenvolvimento, neste que é o primeiro de três dias de congresso.

O encontro é destinado a estudantes e profissionais destas áreas, com o propósito de se discutirem os novos modelos e estratégias de intervenção no bem-estar e saúde das pessoas, com particular foco nas deficiências ou incapacidades.

Este é um evento científico e social, organizado numa parceria entre a Fundação Beatriz Santos (FBS) e a unidade de I&D da Universidade de Coimbra/Fundação para a Ciência e a Tecnologia, Instituto de Psicologia Cognitiva, Desenvolvimento Humano e Social (IPCDHS-UC).

Um dos momentos mais esperados da primeira manhã do congresso passava pela apresentação de uma plataforma digital que visa a reabilitação neuropsicológica à distância.

Para explicar este conceito marcou presença Liliana Ventura, do IPCDHS-UC, que defende que “nas últimas décadas a realidade virtual tem sido amplamente estudada como uma técnica de auxílio nas várias áreas do conhecimento”, acrescentando que “o crescente interesse por esta técnica está relacionada com as evidências favoráveis” das quais destaca “a reabilitação neuropsicológica com recurso a jogos sérios e ambientes virtuais ecológicos, no tratamento da lesão cerebral adquirida, que visam minimizar os prejuízos da atenção e concentração, do funcionamento executivo, da linguagem, da memória, na inibição de comportamentos indesejados e nas capacidades espaciais”.

Foi precisamente neste sentido que Liliana Ventura concebeu uma plataforma virtual na qual os seus pacientes criam avatares (personagens) e através da qual se realizam dinâmicas de grupo entre outras interacções que visam melhorar a saúde de quem a utiliza.

Esta “clínica virtual”, já testada em vários centros de reabilitação, “é a única em termos mundiais que realiza treino cognitivo e estimulação psicossocial”.

O objectivo, agora, é “aperfeiçoar” esta plataforma já existente, tendo como propósito a sua aplicação num futuro centro de reabilitação, inclusão e autonomização profissional, a ser instalado, futuramente no concelho de Penacova.

Este é um projecto no qual a Fundação Beatriz Santos está envolvida, em parceria com a Câmara Municipal de Penacova, sendo candidato ao Portugal Inovação Social 2020, com um montante de 600 000 euros.

Para além desta apresentação o vasto programa inclui outros pontos igualmente interessantes, continuando, agora, no período da tarde com o terceiro tema “Das Naturezas (Mente Situada)”, com coordenação de Eduardo Santos, do IPCDHS-UC, e participação de Vanessa Aires e Cátia Morna.

Ainda no dia de hoje, pelas 16h30, decorrerá o lançamento de dois livros.

O congresso prevê para os próximos dias formações curtas de “Ayurveda” e de “Curadoria cognitiva organizacional centrada no envelhecimento (Mente enativa)”.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com