Coimbra  19 de Novembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Figueira da Foz: EDP assinala 10.º aniversário da Central de Lares

19 de Outubro 2019

A EDP assinala, hoje, o 10.º aniversário da Central de produção de electricidade de ciclo combinado de Lares, no concelho da Figueira da Foz.

A sessão comemorativa decorre entre as 11h30 e as 13h00 e inclui uma visita à central, com a participação de vários responsáveis da EDP e dos presidentes da Câmara Municipal da Figueira da Foz e da Junta de Freguesia de Vila Verde.

No âmbito do aniversário, a EDP oferece uma viatura ao Centro Social Paroquial de Santo Aleixo, de Vila Verde.

A Central é uma instalação de produção de electricidade com dois grupos de tecnologia de “Ciclo Combinado” com queima de gás natural. Com o objectivo de assegurar o fornecimento de energia eléctrica ao Sistema Eléctrico Nacional, os grupos geradores também funcionam com queima de gasóleo, combustível para que a Central dispõe de capacidade de armazenamento para 10 500 metros cúbicos.

A energia eléctrica gerada por cada grupo é entregue à Rede Nacional de Transporte de Energia Eléctrica através do respectivo transformador ligado à rede de muito alta tensão (400 kV).

À potência nominal (431,33 MWe), cada grupo da Central consome 58,32 toneladas/hora de gás natural. Os grupos, aquando da utilização do combustível gasóleo (secundário), apresentam uma potência eléctrica unitária de 392,45 MWe na emissão. Para esta situação, cada grupo da Central consome 64,05 toneladas/hora de gasóleo.

O controlo e a vigilância do funcionamento dos grupos são efectuados a partir da Sala de Comando, com recurso a sistemas de automação baseados na tecnologia digital de processamento e comunicação de dados.

Relativamente aos aspectos ambientais, a Central possui controlo em contínuo das emissões atmosféricas e dos efluentes líquidos. Periodicamente, faz a monitorização da temperatura, pH e oxigénio dissolvido no Rio Mondego.

Em 2010, a Central obteve a certificação do seu sistema de gestão ambiental (ISO 14001) e de gestão da segurança (OSHAS 18001) que constituem as duas vertentes do Sistema Integrado de Gestão do Ambiente e da Segurança (SIGAS) implementado na Central. Neste âmbito ainda, em 2013, a Central obteve o Registo no EMAS.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com