Coimbra  12 de Agosto de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Figueira da Foz: Casa onde nasceu Alves Barbosa dignifica memória do ciclista

14 de Julho 2020 Jornal Campeão: Figueira da Foz: Casa onde nasceu Alves Barbosa dignifica memória do ciclista

No lugar da Fontela, freguesia de Vila Verde, concelho da Figueira da Foz, situa-se a casa onde nasceu Alves Barbosa, um dos melhores ciclistas portugueses, com uma carreira desportiva notável.

Nos anos 90 a autarquia figueirense homenageou o ciclista e descerrou uma placa na casa onde tinha nascido a 24 de Dezembro de 1931. Entretanto, recentemente, a casa foi vendida e os novos compradores foram alvo (antecipadamente) de críticas injustas, pois os novos proprietários do imóvel para além de preservar a memória do ciclista deram uma nova dignidade e relevo, perpetuando-o na fachada do edifício (no lugar onde estavam as placas anteriores), desde a passada semana, o que tem merecido os aplausos dos vizinhos.

A casa em questão foi adquirida por Luciana Maia e o marido Filipe Fajardo, tendo António Francisco (pai da Luciana) se incumbido de preservar a memória do grande ciclista, com uma nova placa descritiva sobre Alves Barbosa, mas também uma imagem constituída por seis peças com uma simbologia que dignifica e embeleza o ciclismo português.

A Fontela e a memória do ciclista ficam de parabéns com esta iniciativa, pessoas que mostraram interesse em valorizar a história deste ilustre figueirenses, antigo ciclista que das nove edições da Volta a Portugal em que participou foi vencedor em três ocasiões (1951, 1956 e 1958), somando 34 vitórias em etapas, o que ainda hoje é recorde da competição. Além da Volta a França, em 1956, 1957 e 1958, também disputou a Volta a Espanha três vezes, em 1957, 1958 e 1961.

Alves Barbosa 2