Coimbra  8 de Dezembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Festival da lampreia e do arroz quer “afirmar a identidade” de Montemor

11 de Março 2019

Delmina Leitão, adjunta do presidente; Emílio Torrão, presidente da Câmara; e José Veríssimo, vice-presidente 

 

A lampreia do rio Mondego, o arroz carolino dos campos nas margens do rio e a doçaria única na região vão ser as principais atracções de mais uma edição do ”Festival do Arroz e da Lampreia’ de Montemor-o-Velho, que decorre de 15 a 24 de Março.

Com uma tradição inegável, este é já um certame consolidado no concelho, atraindo visitantes de Norte a Sul do país, que ali procuram “um produto feito de uma forma especial e muito própria”. O mesmo se poderá dizer do arroz, que Montemor quer ver reconhecido em toda a parte, particularmente, o arroz doce.

“O arroz doce do Baixo Mondego é único e tem um lugar especial na história do país, pelo que temos de o defender”, afirmou Emílio Torrão, presidente da Câmara Municipal, que vê nestes produtos uma forma de “colocar Montemor no mapa”.

“O que queremos é afirmar a nossa identidade”, reconhecendo, contudo que “o arroz e a lampreia são de Portugal e não só de Montemor”, mas garantindo que este Festival tem já uma “dimensão importante e é um dos eventos do concelho que mais firmeza ganhou ao longo destes anos”.

Na senda da promoção do arroz carolino, uma das novidades da edição deste ano do Festival é a ‘Maratona de Arroz Doce – 12 horas de sabor e tradição’. A ideia será posta em prática no sábado (16), entre as 12h00 e as 00h00, em que se irá confeccionar arroz doce ao vivo e sem parar. Depois de cozinhada, a doçaria (que vai requerer cerca de 30 quilogramas de arroz) será distribuída, gratuitamente, aos visitantes do Festival.

Crê Emílio Torrão que é o leite de vaca da Gândara, o arroz do Baixo Mondego e a receita ancestral que fazem desta iguaria um prato único e que “nem sempre tem a importância que merece”. “A sua certificação é importante, mas para além disso é a defesa deste património imaterial que está em causa”, reforçou o édil.

Esta edição, o Festival vai também contar com uma tenda maior, com cerca de 4 000 metros quadrados, para fazer face “às exigências que são cada vez maiores”.

Assim, nos 10 dias de certame, os visitantes poderão encontrar 17 espaços no ‘Mercado de Produtos Endógenos & Doçaria’; quatro espaços de participação institucional; 13 stands de artesanato; três para comércio e serviços; uma exposição de maquinaria agrícola; quatro tasquinhas dinamizadas por associações do concelho; sete espaços para bares e petisqueiras; um espaço reservado para ‘Cozinha ao vivo’ (de gastronomia local); a habitual zona dedicada aos mais novos – a Morlândia; um posto de venda de café e, claro, os seis restaurantes aderentes, que prolongarão os menus dedicados à lampreia até final do mês (31 de Março). Também o tradicional Festival da Lampreia de Ereira terá a sua realização no último fim-de-semana de Março.

Para este sábado está, também, prevista a transmissão em directo do programa da RTP “Aqui Portugal”, entre as 11h00 e as 20h00.

No recinto irá, também, estar disponível um ringue de hóquei, uma modalidade em crescimento no concelho e que convida crianças e jovens a experimentar.

Outra das particularidades é o facto de, todos os dias da semana, uma das tasquinhas estar aberta, quer à hora de almoço como ao jantar, assegurando assim que a quebra de visitantes não é tão grande e poderão continuar a ser servidas “milhares de refeições”, como afirmou o autarca montemorense.

Emílio Torrão reforçou, ainda, que a forma de continuar a atrair as pessoas que os visitam é, precisamente, “mantendo a qualidade”. “Queremos afirmar algo que é nosso, identitário e temos de o fazer através da qualidade”, sublinha.

Esta edição contou com um orçamento de 60 000 euros, mais 20 000 do que na edição anterior.

Tasquinhas (e ementas):

  • Casa do Povo de Abrunheira
    • Sopa de Legumes | Arroz de Cabidela | Galo estufado | Grelhada Mista | Secretos de Porco | Vitela na Púcara | Arroz de Lampreia | Arroz de Lampreia | Enguias Fritas | Pataniscas de Polvo | Sável Frito | Menu infantil: Bifana Grelhada | Menu Vegetariano: Feijoada de Legumes | ESPECIALIDADE : Lampreia Quinhentista, Arroz à Roupa Velha | Acompanhamentos: Arroz de Feijão, Arroz de Tomate, Arroz Branco, Feijoada de Legumes | TURÍSTICO: Sopa, Pataniscas de Polvo ou grelhada mista com feijoada de legumes e arroz doce | SOBREMESA: Arroz Doce, Fruta, Lampreinhas

  • Casa do Povo de Arazede
    • Sopa de legumes | Sopa de peixe | Grelhada mista com arroz de feijão | Picanha com arroz branco e feijão preto | Arroz de cabidela | Arroz de Lampreia | Enguias Fritas | Sável com arroz de ovas | Pataniscas de bacalhau com arroz de tomate | Arroz de tamboril | Menu vegetariano: Arroz de cogumelos | Menu infantil: Febra de porco com arroz branco e ovo estrelado | Sobremesas: Arroz doce | Tarte de Mação com arroz doce | Bolo de bolacha | Panacota de frutos silvestres | Ovo estrelado (rodela de ananás com pêssego)

       

  • Centro Beira Mondego – Santo Varão
    • Creme de cenoura | Sopa de legumes | Caldo verde | Sopa à lavrador | Sopa de peixe |  Arroz de Lampreia | Arroz de Cabidela | Arroz de tomate com grelhada | Arroz de tomate com petinga | arroz de tomate com bacalhau frito | Arroz de tomate com enguias | Arroz de cenoura e ervilhas com grelhada | Arroz de cenoura e ervilhas com patanisca | Arroz de cenoura e ervilhas com petinga | Arroz de cenoura e ervilhas com enguias | Arroz de feijão com petinga frita | Arroz de feijão com grelhada | Arroz de feijão com pataniscas | Arroz de feijão com enguias | Arroz com pato assado | Arroz com pato | Arroz de legumes com petinga frita | Arroz de legumes com patanisca | Arroz de legumes com enguias | Arroz de legumes com grelhada | Arroz de feijão com secretos | Arroz doce | Leite creme | Salada de frutas | Outras sobremesas
  • Grupo Folclórico da Ereira
    • Sopa à pescador | Picanha com arroz e feijão preto | Lagartinhos de porco preto com arroz e migas | Mix de carnes grelhadas com arroz e saladas | Arroz de lampreia | Sável com arroz de ovas | Enguias fritas (sem acompanhamento) | Enguias com arroz de feijão | Pataniscas de bacalhau com arroz de tomate ou feijão | Jaquinzinhos com arroz de tomate ou feijão | Menu infantil: Febra grelhada com arroz | Menu vegetariano: Arroz com grelos e queijo da ilha

Restaurantes aderentes:

  • A Grelha – Montemor-o-Velho
  • DoceMor – Montemor-o-Velho
  • Floripes – Montemor-o-Velho
  • O Marinheiro – Montemor-o-Velho
  • O Mosteiro – Montemor-o-Velho
  • O Califa – Santo Varão
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com