Coimbra  30 de Maio de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Festa da Flor e da Planta celebra a natureza e a biodiversidade

14 de Maio 2024 Jornal Campeão: Festa da Flor e da Planta celebra a natureza e a biodiversidade

A Festa da Flor e da Planta regressa à Baixa de Coimbra no próximo sábado, dia 18, entre as 10h00 e as 18h30, depois de um ano de interregno, e pretende celebrar a natureza e a biodiversidade.

A iniciativa visa, ainda, sensibilizar a população para a importância das plantas e do seu impacto na conservação do meio ambiente, na melhoria da agricultura e na produção sustentável de alimentos.

A Festa da Flor e da Planta privilegia, também, o envolvimento do universo associativo e da comunidade local num projecto que pretende ser intergeracional, criativo, agregador e lúdico e que contribui para a diversificação da vida cultural da cidade. O certame vai reunir, assim, perto de meia centena de expositores, entre viveiristas, floristas, associações de âmbito cultural, recreativo, social e folclórico e etnográfico. Estarão, ainda, presentes expositores que desenvolvem actividades diversas no domínio do património verde.

A Festa da Flor e da Planta possui um cunho peculiar pela construção de vários tapetes floridos que serão exibidos em diversos locais da Baixa, num percurso que vai da Praça 8 de Maio e passa pelo Largo do Poço e pela Praça do Comércio até às Escadas do Gato. Os visitantes vão poder, assim, apreciar, um conjunto de tapetes concebidos com flores naturais por associações do concelho, que imprimem ao evento traços de criatividade únicos, este ano com apontamentos de celebração dos 50 anos da Revolução de Abril.

A iniciativa será, ainda, marcada por vários momentos de animação, com destaque para a recriação de tradições da região de Coimbra, a cargo de colectividades locais, seja através de um desfile etnográfico, que acontecerá entre as 11h00 e às 12h00, no qual não faltarão os pregões de outrora usados na venda de rua, seja pela presença de expositores com gastronomia e doçaria tradicional, que estarão localizados na Praça do Comércio.

A animação decorre ao longo de todo o dia, com apontamentos distintos, que vão acontecer pelas ruas da Baixa. A programação arranca com a actuação da Banda Filarmónica de Ceira, às 10h00, segue-se então o já referido desfile etnográfico, das 11h00 às 12h00, e ao meio-dia está prevista a actuação do quarteto de saxofones da Orquestra de Sopros de Coimbra, o Sax Ensemble. Já da parte da tarde, às 15h30, actua o grupo de concertinas “Sons de Casconha” e, por fim, às 17h00, há uma demonstração do grupo de Capoeira Muzenza, da Associação Desportiva, Recreativa, Cultural e Social Desperta Capacidade.

A Festa da Flor e da Planta foi apresentada, segunda-feira, pelo presidente da Câmara de Coimbra, José Manuel Silva, a directora do Departamento de Cultura e Turismo, Maria Carlos Pêgo, e Albertina Vilela, do Grupo Folclórico da Casa do Povo de Ceira, em representação das associações envolvidas no evento.