Coimbra  27 de Novembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Feira do Mel e do Campo de Penacova mantém-se mas em formato digital

4 de Novembro 2020 Jornal Campeão: Feira do Mel e do Campo de Penacova mantém-se mas em formato digital

O desenvolvimento económico e o apoio ao comércio local continuam a ser prioridades para a Câmara Municipal de Penacova que, mesmo com todas as condicionantes, decidiu organizar a Feira do Mel e do Campo.

“São tempos novos. Temos de nos reinventar e readaptar. É isso que estamos a fazer neste evento que vai decorrer nos dias 07 e 08 de Novembro, em formato totalmente digital”, afirmou o presidente do Município, Humberto Oliveira, durante a apresentação do certame.

Apesar do formato da feira alterar, o objectivo do Município continua a ser dar a conhecer o trabalho realizado por produtores locais, fazendo chegar às pessoas o que de melhor se produz no concelho.

Assim, este ano, a organização tentará chegar ao público através das plataformas digitais, quer das redes sociais do Município, como do website.

O novo formato pretende, no entanto, manter-se fiel às anteriores edições, juntando a gastronomia, a cultural e o património, ao mesmo tempo que promove os produtos e produtores do concelho.

 

Um programa virtual

 

Apesar do formato online o programa é variado, com conferências, visitas virtuais aos stands, ‘showcookings’ com a Confraria da Lampreia, apresentação de um livro e muita música. A abertura da feira está marcada para as 18h00 de sábado.

Quanto aos expositores serão 10, apresentados em vídeos filmados nos próprios locais de produção, podendo o público adquirir os produtos entrando em contacto directo com cada produtor.

A componente cultural do certame é da inteira responsabilidade de artistas locais, contanto com a actuação da Escola de Artes de Penacova, no sábado (07), pelas 20h30, seguindo-se, no mesmo dia, pelas 21h00, o concerto do grupo FBI. Já no domingo (08), pelas 16h45, será a vez do Dj Nuka e, a fechar a Feira, pelas 19h45, sobe ao palco Ruizinho de Penacova.

Outras actividades estão previstas no programa da Feira, como a iniciativa “Chef Improvável” que tem como objectivo levar pessoas comuns a acompanharem o trabalho de um ‘chef’ de um dos restaurantes aderentes do concelho, que vão estar em simultâneo a participar no evento “Sabores da Terra”, que decorre nos meses de Novembro e Dezembro e tem como objectivo dar a conhecer pratos típicos como os míscaros, o serrabulho, o cabrito ou a chanfana.