Coimbra  17 de Maio de 2022 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Feira do Livro de Góis decorre na Casa da Cultura

14 de Abril 2022 Jornal Campeão: Feira do Livro de Góis decorre na Casa da Cultura

Lembrar Agustina Bessa-Luís é o mote da Feira do Livro de Góis, no ano em que se comemora o centenário de um dos nomes maiores da literatura portuguesa contemporânea.

O presidente da Câmara, Rui Sampaio, convidou todos os presentes a usufruir do diversificado programa que a Feira oferece aos munícipes, amigos, visitantes e turistas. Promover a leitura e oferecer momentos culturais para todas as idades são, nas palavras do autarca, os grandes objectivos do certame dedicado ao livro e à leitura.

Na abertura foi apresentada a exposição bibliográfica Agustina “Pensadora entre as coisas pensadas”, que resulta de uma homenagem que a Biblioteca da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FLUP), em associação com o Círculo Literário Agustina Bessa-Luís, dedicou a uma escritora que é considerada um dos nomes maiores da Literatura Portuguesa contemporânea. Associado à singela homenagem a Agustina, foi ainda apresentado o documentário “O Mundo de Agustina”, realizado pela Renascença, em 2012.

Foi também comunicado o resultado do Concurso de Fotografia Digital “O Rio e o Homem”. Esta iniciativa teve como missão desafiar a comunidade local a conhecer ou revisitar o património natural e humano do concelho, através da partilha de fotografias do trajecto do rio Ceira no concelho de Góis. Curiosamente, as três fotografias vencedoras são de um único concorrente – Luís Alvarinhas.

O concurso, promovido pelo Município de Góis, surgiu no âmbito do projecto “Gestão da Bacia Hidrográfica do Rio Ceira face às Alterações Climáticas”, financiado pelo Programa EEA Grants, através do Ministério do Ambiente e da Acção Climática, promovido pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), tendo como parceiros a Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra, a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, a Direcção Norueguesa para a Protecção Civil (DSB – Nowergian Directorate for Civil Protection) e os Municípios de Góis, Arganil, Lousã e Pampilhosa da Serra.

Na abertura da Feira foram dinamizadas duas iniciativas direccionadas ao público infanto-juvenil: “Astro Júnior – Olhar o Cosmos”, pelo Exploratório – Centro de Ciência Viva de Coimbra, integrado na programação cultural em rede “Portas do Céu”, e “A maior flor do mundo” – adaptação teatral do livro de José Saramago, pela Companhia Atrapalharte Produções Teatrais.

Koen de Cleen animou a tarde com música ao vivo, uma participação muito significativa para a autarquia, pois o músico e empresário de origem belga é munícipe de Góis e esta foi uma forma de integração de um residente estrangeiro, simbolizando a preocupação do Município no que respeita à sua missão de integrar todos, sem excepção, na vida social e cultural do concelho.