Coimbra  15 de Julho de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Faleceu Franco Charais que comandou a Região Militar Centro em Abril de 1974

2 de Julho 2024 Jornal Campeão: Faleceu Franco Charais que comandou a Região Militar Centro em Abril de 1974

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, expressou hoje pesar pela morte do tenente-general Franco Charais, afirmando que “Portugal perde um dos notáveis militares de Abril”.

O antigo capitão de Abril Manuel Franco Charais, tenente-general do Exército reformado, morreu hoje, aos 93 anos.

Militar de Abril, colaborou na redacção do programa do MFA e, entre 1974 e 1982, integrou a Comissão Coordenadora do MFA, o Conselho de Revolução e comandou a Região Militar do Centro.

O chefe de Estado lamentou a sua morte através de uma mensagem publicada no sítio oficial da Presidência da República na Internet, em que apresenta “sentidas condolências à família, amigos e seus companheiros de armas”.

“Foi com pesar que o Presidente da República tomou conhecimento do falecimento do tenente-general Franco Charais”, lê-se no texto.

Marcelo Rebelo de Sousa afirma que “Portugal perde um dos notáveis militares de Abril, bastante interveniente nos momentos de preparação da revolução, na elaboração do programa do Movimento das Forças Armadas (MFA) e no período que lhe seguiu”.

“O tenente-general Franco Charais deixa na família militar e na jovem democracia uma grande saudade”, acrescenta o Presidente da República.

Manuel Ribeiro Franco Charais nasceu no Porto, em Cedofeita, em 24 de Fevereiro de 1931. Desempenhou missões militares em Portugal continental, Açores, Madeira, Angola e Moçambique. Foi condecorado com o grau de cavaleiro da Ordem de Avis, em 1970, e com a grã-cruz da Ordem da Liberdade, em 1985.