Coimbra  22 de Setembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Expo-Cernache regressa à vila e promete três dias de muita animação

30 de Agosto 2019

A Expo-Cernache está de regresso à freguesia, já a partir de hoje (30) e até domingo (01), prometendo três dias de muita animação.

Este é um certame cheio de tradição, onde famílias e amigos se reúnem, numa altura do ano em que muitos estão de visita a Cernache depois de uma longa temporada longe da terra.

O evento, promovido pela Junta de Freguesia de Cernache, pretende, conforme explica o seu presidente, António Lopes, afirmar-se como “ponto de encontro e de convívio” para todos nesta altura de Verão, promovendo, ao mesmo tempo, a união entre todas as “forças vivas” da freguesia, que directa ou indirectamente se envolvem e tornam possível a realização desta iniciativa.

“A realização desta feira visa contribuir para a afirmação da nossa freguesia e de todo o concelho de Coimbra, valorizando os diferentes aspectos comerciais, industriais e agrícolas como importantes veículos da actividade económica, turística e cultural da região”, sublinha o presidente.

Nesta edição participam cerca de 80 expositores, que promovem o artesanato, a gastronomia e muitos outros sectores de actividade, dando a conhecer o que de melhor esta localidade, do concelho de Coimbra, tem para oferecer.

Os stands estão distribuídos pela zona do Museu Moinho das Lapas e estendem-se até ao recinto da Junta de Freguesia, mostrando naquela área todo o dinamismo local, numa autêntica montra a céu aberto.

O certame reúne, nestes expositores, pessoas ligadas às mais diversas áreas e serviços como a agricultura, comércio, empresas, artesãos que mostram ali a sua arte e, claro, as tasquinhas, com os “comes e bebes”, que dão a conhecer o melhor da gastronomia tradicional.

E se a zona de expositores é o destaque desta Expo-Cernache, a animação musical não fica nada atrás. A organização aposta, então, num cartaz atractivo, garantindo animação para todos os que visitem a feira.

O tecido associativo e as colectividades locais continuam a ter um papel de bastante relevo nesta feira, uma vez que são eles que asseguram o total funcionamento das tasquinhas.

Nestes espaços, os visitantes podem encontrar os mais deliciosos petiscos e pratos típicos gastronómicos, fazendo sempre valer o que é regional.

Para António Lopes, entregar toda a zona de comidas e bebidas ao tecido associativo é, também, uma “forma de a Junta ajudar as colectividades, já que não o pode fazer financeiramente”, proporcionando-lhes, desta forma, um evento bastante concorrido, no qual conseguem obter alguma receita extra que as ajuda a realizar os seus projectos ao longo do ano.

A Expo-Cernache põe em evidência tudo o que de melhor se faz na localidade, destacando os artesãos que, em grande número, continuam a mostrar a enorme diversidade de trabalhos manuais que, ainda, se fazem no país, mostrando para além dos artigos mais tradicionais, outros com uma vertente mais contemporânea.

 

Uma feira para todos

 

Este é um espaço que espera agradar a todos, um local que se possa visitar em família, não esquecendo, por isso, os mais pequenos, numa festa que, à semelhança dos anos anteriores, mantém as entradas gratuitas.

Assim, o certame conta, também, com atracções como insufláveis e póneis, que certamente farão as delícias dos mais novos.

Para além da grande zona de exposição e venda, anteriormente referida, a Expo-Cernache inclui, ainda, com várias actividades lúdicas, culturais e de animação, havendo este ano um novo palco para os espectáculos.

Hoje o destaque vai para a grupo de Cavaquinhos da Oficina de Música da Junta de Freguesia, os primeiros a subir ao palco, seguindo-se Os Red, a partir das 21h30.

No amanhã (31) e domingo (01) o evento abre às 12h30, horário a partir do qual pode saborear uma das iguarias servidas nas tasquinhas e apreciar toda a área de expositores.

A noite de sábado será dedicada ao fado, na voz de Soraia Cardoso, pelas 21h00, seguindo-se o famoso artista da região, Ruizinho de Penacova, pelas 22h30, que promete um baile animado.

Já no domingo o programa cultural inicia-se às 17h00, com o lançamento de um livro da autoria do conterrâneo Braulio Veiga Baptista e editado pela Junta de Freguesia de Cernache, intitulado “Subsídios para a história da freguesia de Cernache”.

Mais tarde, pelas 19h00, a animação musical começa com a actuação das Concertinas Sons de Casconha, seguindo-se “Dança Comigo”, pelas 20h00. Os Dexys serão os últimos a subir ao palco, a partir das 21h30, encerrando os três dias de festa.

António Lopes sublinha que “está tudo a ser preparado para que esta seja mais uma grande Expo-Cernache” e assegura que “os visitantes vão encontrar uma feira com muita pujança, grande força e que tem vindo a crescer de ano para ano, ultrapassando há muito os limites da Freguesia”.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com