Coimbra  22 de Junho de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Executivo de Penacova visita obras da futura Casa das Artes

8 de Junho 2021 Jornal Campeão: Executivo de Penacova visita obras da futura Casa das Artes

Uma comitiva municipal visitou, ontem (7), as obras da futura Casa das Artes de Penacova, constatando o bom andamento dos trabalhos que estão a ser realizados no antigo edifício do Tribunal.

As obras de reabilitação da nova Casa das Artes foram adjudicadas pelo valor de 783 674 euros, sendo o custo do investimento elegível comparticipado em 85% pelo Fundo Europeu para o Desenvolvimento Regional (FEDER), no âmbito de candidatura promovida pelo Município de Penacova ao Programa Operacional do Centro, Centro 2020.

Durante a manhã, o presidente do Município de Penacova, Humberto Oliveira; o presidente da Assembleia Municipal, Pedro Coimbra; e o Executivo da Junta de Freguesia de Penacova “verificaram a boa evolução dos trabalhos naquela que é considerada uma obra muito importante para o concelho”, disse a Câmara Municipal.

A reabilitação do edifício é uma das medidas previstas no Plano Estratégico de Revitalização do Núcleo Urbano de Penacova, “enquadrado num local emblemático que ganhará assim um local de excelência no âmbito cultural”.

O presidente da Câmara Municipal de Penacova sublinhou que a empreitada decorre dentro do previsto e adianta que “o edifício terá um amplo espaço multifuncional, podendo receber vários tipos de programação cultural, sejam exposições, conferências, recepções, entre outros, e irá certamente ser um local que, até pela sua envolvência, se assumirá como um espaço de cultura e lazer, captando para si uma centralidade de variadíssimas temáticas”.

Pedro Coimbra, deputado e presidente da Assembleia Municipal, notou que “a importância da cultura é vital para um povo, sendo também um factor de dinamização económica e social de grande importância”. O responsável sublinhou ainda que “este é um espaço simbólico, localizado num sítio emblemático mesmo junto à Pérgula Raúl Lino, que se tornará num verdadeiro espaço de cultura de referência muito para além do concelho”.

O espaço intervencionado está inactivo desde 2014, ano em que o Tribunal Judicial da Comarca de Penacova passou a funcionar num novo espaço, quando o então Governo de Passos Coelho decretou o seu encerramento, tendo o Município assegurado os custos da requalificação de uma antiga escola da autarquia para receber os serviços judiciais. O imóvel agora intervencionado tem uma longa história, tendo sido inaugurado em Janeiro de 1869, para então sediar a Câmara Municipal, tendo recebido posteriormente o Tribunal. De acordo com o Executivo, o espaço deverá receber a nova valência cultural nos primeiros meses de 2022.