Coimbra  27 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Escola de Enfermagem de Coimbra vence concurso Poliempreende

24 de Julho 2020 Jornal Campeão: Escola de Enfermagem de Coimbra vence concurso Poliempreende

 

A Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC) venceu o Concurso Regional Poliempreende 2020, realizado, este mês, naquele local, com uma chupeta inovadora que vai permitir aos pais e cuidadores monitorizarem precocemente a temperatura dos bebés, prevenindo a ocorrência de convulsões febris.

Os promotores deste projecto são três estudantes de enfermagem na ESEnfC, que contaram com a colaboração dos professores Anabela Salgueiro Oliveira e Pedro Parreira.

De acordo com Letícia Thomaz, Joel Pedroso Cardeira (ambos finalistas de enfermagem) e Edgar Manuel Coelho (aluno do 3.º ano da licenciatura), a convulsão febril, que surge em crianças saudáveis entre os seis meses e os seis anos de idade, dá-se a uma temperatura inferior a 38.º centígrados, afectando uma em cada 20 crianças.

Os estudantes vencedores esclareceram que “o risco de desenvolvimento de epilepsia e de complicações neurológicas aumenta sempre que a criança, possuindo igualmente este histórico na família, sofra múltiplas convulsões febris antes dos doze meses de idade”.

Cinco projectos de ideias de negócio, envolvendo cerca de duas dezenas de estudantes e docentes da ESEnfC, foram apreciados por um júri constituído por Aida Cruz Mendes (Presidente da ESEnfC), Nuno Barbosa (Vygon – Portugal), Pedro Carvalho (Banco Santander) e Rui Gomes (JP Cruz).

Os projectos classificados na 2.ª e na 3.ª posição visam, respectivamente, produzir um dispositivo que permite a remoção de fecalomas e um mecanismo que facilita a colheita de várias amostras de sangue de forma segura.

Aos restantes dois projectos submetidos a concurso na ESEnfC o júri atribuiu menções honrosas.

Em Setembro de 2021, o trabalho vencedor na ESEnfC vai concorrer com os principais projectos de vocação empresarial de cada um dos institutos politécnicos do país, que se vão defrontar na final da 17.ª edição do Concurso Nacional Poliempreende, a decorrer na Universidade da Madeira.