Coimbra  25 de Maio de 2022 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Esch2022 apoia a candidatura de Coimbra a CEC em 2027

2 de Março 2022 Jornal Campeão: Esch2022 apoia a candidatura de Coimbra a CEC em 2027

José Manuel Silva reuniu com o presidente do município luxemburguês e com o vereador dos pelouros da Cultura e da Economia.

Os laços que unem Coimbra a Esch-sur-Alzette, no Luxemburgo, estão agora mais fortes. Depois de, em 2005, as duas cidades estabeleceram o Protocolo de Geminação, desta feita, o município luxemburguês, que, este ano, é Capital Europeia da Cultura (CEC), reforça o seu apoio na candidatura da cidade portuguesa ao título. O momento decorreu no passado sábado, na cerimónia de abertura de Esch2022, e contou com a presença de José Manuel Silva, presidente da Câmara Municipal de Coimbra. O autarca teve a oportunidade de discutir a candidatura de Coimbra a CEC em 2027 com o presidente do município luxemburguês, Georges Mischo, e o vereador da Cultura e da Economia, Pierre Marc Knaff.

José Manuel Silva reuniu, ainda, com o vice-presidente da Comissão Europeia, Margaritis Schinas, e com Viviane Reding, que ocupou anteriormente esse mesmo cargo. O presidente da Câmara Municipal de Coimbra teve, também, a oportunidade de visitar Belval, um novo bairro da cidade luxemburguesa, onde se encontra a sede de Esch2022, e a coluna que assinala o protocolo de colaboração entre as duas cidades – iniciativa que tem como objectivo potenciar redes de cooperação e desenvolvimento, principalmente nos domínios da educação, da cultura e do desporto, e apoiar e desenvolver os laços que ligam os emigrantes portugueses desta região à sua terra natal.

“Esch faz-se de cultura, tal como Coimbra! Depois de visitar a cidade luxemburguesa, e de ter tido a oportunidade de participar na cerimónia de abertura, não restam dúvidas do apoio do município e dos seus responsáveis à candidatura de Coimbra a Capital Europeia da Cultura em 2027”, revela José Manuel Silva, presidente da Câmara Municipal de Coimbra. “Foi uma honra apresentar as grandes linhas programáticas da candidatura e discutir os alicerces que movem o nosso o projeto cultural e que pretendem renovar a energia da nossa cidade em todas as áreas criativas. Estamos muitos gratos por todo o apoio que recebemos por parte daqueles que são hoje Capital Europeia da Cultura”, conclui.