Coimbra  28 de Novembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Equipa sénior de basquetebol do Ginásio Figueirense em isolamento

26 de Outubro 2020 Jornal Campeão: Equipa sénior de basquetebol do Ginásio Figueirense em isolamento

Os 12 jogadores da equipa sénior de basquetebol do Ginásio Clube Figueirense estão em isolamento profilático, depois de terem sido confirmados dois casos de infecção pelo novo coronavírus, disse à Lusa fonte do clube.

O isolamento profilático da equipa que disputa o campeonato da Proliga, segunda divisão do basquetebol português, foi concretizado no domingo (25), depois de dois jogadores terem testado positivo para o Sars-Cov-2 durante o fim-de-semana.

Já no sábado, por precaução, quatro atletas estavam em isolamento, tendo o Ginásio acordado com o Sampaense o adiamento do jogo entre ambos, agendado para esse dia.

Ana Rolo, presidente da direcção do Ginásio Figueirense, disse à agência Lusa que o clube quis adiar o jogo por “estar em causa a saúde pública”, mesmo perante a recusa da federação, já que, dos quatro jogadores do grupo inicial, três treinaram com os restantes colegas na quinta e sexta-feira.

“Quer o Ginásio fosse penalizado ou não, foi o que decidimos fazer. E hoje acabamos por confirmar que foi o mais acertado”, argumentou.

A dirigente do clube contou que um primeiro jogador – que está lesionado e foi operado à clavícula há cerca de duas semanas, no hospital distrital – jantou com três colegas após ter tido alta hospitalar.

Na sexta-feira, depois de ter perdido o olfacto, um dos sintomas de infecção por covid-19, acabou por fazer o teste, que deu positivo.

No total, estão em isolamento 12 jogadores, com idades compreendidas entre os 18 e os 46 anos, adiantou Ana Rolo.

Três jogadores que residem em quartos no pavilhão do clube foram transferidos para um “bungalow” no parque municipal de campismo da Figueira da Foz, cedido para o efeito pela autarquia local, sendo acompanhados, ao nível da alimentação, pelo Clube e pelos serviços da Misericórdia – Obra da Figueira.

“Fundamentalmente, não havia como não ir [ajudar]. A Câmara Municipal, neste caso concreto, como noutros, tem feito tudo para que a pandemia se propague o mínimo possível”, afirmou Carlos Monteiro, presidente do Município.

“Ou nós dávamos esta solução ou então estávamos a inviabilizar que as dezenas ou centenas de atletas pudessem praticar desporto. Embora tenhamos de ter todos os cuidados para evitar que a pandemia se propague, também é importante que, dentro das regras da Direcção-Geral da Saúde, se continue a praticar actividade física”, argumentou o autarca.

Durante esta segunda-feira (26), as instalações do Pavilhão Galamba Marques, sede do Ginásio Figueirense, vão ser alvo de uma acção de desinfecção, para que os atletas de várias modalidades para além do basquetebol possam regressar aos treinos “em segurança e cumprindo todas as determinações da autoridade de saúde”, acrescentou Ana Rolo.