Coimbra  27 de Janeiro de 2022 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Equipa da Universidade de Coimbra vence a final europeia de inovação em Saúde

28 de Novembro 2021 Jornal Campeão: Equipa da Universidade de Coimbra vence a final europeia de inovação em Saúde

Milena Alves, Jefferson Silva, Susana Paixão e Kevin Leandro

 

MyCare, uma plataforma de estudantes para promover a melhoria da saúde mental na fase de prevenção e tratamento, proposta por uma equipa da Universidade de Coimbra (UC), acaba de vencer o 1.º prémio na competição internacional EIT Health Innovation Days.

A sessão final da competição teve lugar este sábado, dia 27, onde foram apresentados os 10 melhores projectos seleccionados de entre os vencedores das 26 fases regionais que decorreram em Outubro e Novembro em outras tantas localidades europeias. Os finalistas, em quatro minutos, apresentaram o problema, a solução e o conceito de negócio na forma de apresentação oral (“pitch”) e responderam a questões colocadas pelo júri da fase final.

Avaliados todos os projectos, a solução MyCare foi a grande vencedora. Esta plataforma de estudantes pretende promover a melhoria da saúde mental na fase de prevenção e tratamento, promovendo a literacia e combatendo o isolamento através de uma solução integrada de promoção de actividades sociais e acesso facilitado a apoio especializado e a serviços de tratamento na área da saúde mental.

A equipa é constituída por Milena Alves (estudante de licenciatura da Faculdade de Economia da UC), Kevin Leandro (estudante de doutoramento da Faculdade de Farmácia da UC e a desenvolver trabalho de investigação no CNC), Jefferson Silva de Lima (estudante de doutoramento da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UC e a desenvolver trabalho de investigação no CISUC) e Susana Paixão (investigadora doutorada do Centro de investigação CEGOT, da Faculdade de Letras da UC, e docente no Instituto Politécnico de Coimbra – IPC).

Além do apoio no desenvolvimento do projecto e o prémio de 500 euros que já tinha ganho anteriormente, na fase regional – Coimbra Innovation Days -, a equipa vai receber apoio e mentoria de especialistas do EIT Health, por forma a desenvolver o conceito de negócio, e terá a oportunidade de se deslocar à EIT Health Summit, que decorrerá em Maio de 2022, em Estocolmo (Suécia).

É um orgulho para nós sabermos que uma equipa multidisciplinar da UC conseguiu, pela primeira vez, ganhar este prémio europeu numa área tão relevante. Numa altura em que se iniciaram as comemorações do centenário do nosso grande escritor José Saramago, recordo-me de uma das pequenas frases do Livro dos Conselhos que apareciam na contracapa dos seus livros: ‘Se podes olhar, vê. Se podes ver, repara’”. A equipa de Coimbra analisou com atenção a realidade que nos rodeia, no que diz respeito à saúde mental, e reparou numa área específica que carecia de melhoria e na qual acharam que poderiam acrescentar valor”, afirma Cláudia Cavadas, vice-reitora da UC para a investigação e doutoramentos.

Aprofundaram o seu conhecimento sobre este problema, auscultando no terreno as partes interessadas, e propuseram uma solução que achamos bastante inovadora e original. É também muito importante saber que um júri europeu tenha reconhecido o mérito desta equipa e deste projecto, dando-lhes agora a oportunidade de crescer e amadurecer o conceito. O sucesso da equipa é naturalmente devido ao seu empenho e dedicação, mas também à qualidade da sua formação, à equipa de apoio desta iniciativa e ainda ao ambiente de partilha, multidisciplinaridade, investigação e inovação que a UC tem promovido junto de toda a sua academia”, acrescenta a vice-reitora da UC.

Innovation Days

O Innovation days é uma iniciativa desenvolvida na Universidade de Coimbra no âmbito do programa europeu EIT Health e que este ano contou com a colaboração do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, a Direcção-Geral da Saúde e a Câmara Municipal de Coimbra.

Os participantes frequentaram, numa fase preliminar, o evento Coimbra Innovation Days onde receberam formação na área do design thinking e comunicação, procurando encontrar soluções, em trabalho de equipa, a desafios reais, que este ano se focaram na área da saúde mental. A equipa vencedora, premiada com 500 euros, juntamente coma as equipas vencedoras das demais 26 localidades onde decorreu a iniciativa, teve a possibilidade de competir na final do evento internacional Innovation Days.

Além de possibilitar aos estudantes e investigadores a passagem da teoria à prática, contactando com problemas reais da área da saúde e experimentando a metodologia de design thinking, a iniciativa permite-lhes o contacto com colegas internacionais (aderindo à EIT Health Alumni Network) e o desenvolvimento de competências fundamentais para a sua carreira futura.