Coimbra  17 de Maio de 2022 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

EPTOLIVA promove turismo na Beira Serra com EPTO Futuros em Góis

6 de Maio 2022 Jornal Campeão: EPTOLIVA promove turismo na Beira Serra com EPTO Futuros em Góis

“Ecoturismo – O Futuro Passa (Por) Aqui” foi o tema que deu início ao Ciclo de Conferências EPTO FUTUROS 2022, assinalando o Dia dos Cursos Profissionais de Técnico/a de Turismo, e que integrou a participação da EPTOLIVA – Escola Profissional de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil na Feira de Emprego e Formação Profissional de Góis.

“A EPTOLIVA orgulha-se de estar aqui presente com o objectivo de ajudar a promover as belezas naturais de Góis e da Região, como exemplo de um território de interior que deve reforçar a aposta no turismo sustentável. Foi neste propósito que os alunos da EPTOLIVA realizaram um conjunto de actividades desportivas, de lazer e turismo, no concelho de Góis, culminando com a apresentação de um filme de promoção do Território produzido pelos próprios alunos. A EPTOLIVA reforça assim a sua presença nesta região, sempre com o objectivo de contribuir para o desenvolvimento integrado e em parceria participativa com os respectivos Municípios, convidando os alunos e alunas a descobrirem a EPTOLIVA, que estará sempre de portas abertas para os receber”, referiu Daniel Costa, presidente da EPTOLIVA e anfitrião desta conferência, parabenizando ainda a iniciativa e a presença de todas as Escolas nesta Feira.

O presidente da ADIBER, Miguel Ventura, na qualidade de promotor da Feira de Emprego e Formação Profissional de Góis, em parceria com o respectivo Município, e no âmbito do Projecto “Góis Solidário I + Inclusivo, Inovador e Impulsionador”, congratulou-se por acolher esta temática do EPTO FUTUROS, “uma marca da EPTOLIVA que contribui para enriquecer e garantir a qualidade deste evento”, reforçando que o “Turismo e o Ecoturismo, bem como os seus recursos endógenos têm sido fundamentais no desenvolvimento económico e social deste território da Beira Serra”.

Paulo Silva, fundador, sócio e director executivo da Trans Serrano – Aventura, Lazer e Turismo, Lda., reforçou o papel do Ecoturismo na projecção e desenvolvimento da região, nomeadamente o desporto aventura, enfatizando que a sua empresa foi pioneira na realização de caminhadas aquáticas, associadas às tradições e cultura do concelho de Góis, destacando a importância de “recorrer ao potencial natural para o desenvolver do ponto de vista turístico”, terminado a sua intervenção com a definição de Ecoturismo, “olhar, ver as coisas, pegar nas tradições e rentabilizá-las”.

“Ser autêntico, criativo e saber aproveitar os nossos recursos, são factores essenciais para potenciar o futuro desta região, única pela sua diversidade, riqueza e autenticidade”, disse Carlos Figueiredo, responsável pela promoção turística no Turismo Centro de Portugal, e que divulgou algumas estratégias de marketing turístico desenvolvidas no Centro de Portugal, baseadas nos recursos Eco enquanto conceitos diferenciadores capazes de gerar valor para os territórios através de uma oferta turística de natureza e valorização do seu património natural.

Esta conferência, moderada por Gina Sousa e Cláudia Carvalho, professoras responsáveis pela direcção e disciplinas técnicas do curso de Turismo, pretendeu, igualmente, mostrar a relevância das estratégias de operacionalização nas actividades de exploração da natureza e a sensibilização para a preservação do equilíbrio ecológico e do meio ambiente.

Um exemplo prático disto foi trazido com a apresentação do vídeo “Paisagem Protegida da Serra do Açor”, vencedor do concurso nacional “Segue a Tua Natureza”, da autoria de Leonor Fontinha, finalista do curso profissional de Técnico de Turismo. “Um contributo de promoção e homenagem a um dos mais importantes patrimónios deste território, a Serra do Açor, e um prémio que muito orgulha a Escola Profissional EPTOLIVA”, como referiu o seu presidente, Daniel Costa.