Coimbra  14 de Maio de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Eleições Autárquicas: Movimento Partido da Terra apoia Somos Coimbra

3 de Novembro 2020 Jornal Campeão: Eleições Autárquicas: Movimento Partido da Terra apoia Somos Coimbra

José Manuel Pinheiro de Castro (MPT), Ana Bastos e José Manuel Silva (SC), Inês Correia e Rui Campos (MPT)

O núcleo de Coimbra do Partido da Terra (MPT) apoia a candidatura do movimento Somos Coimbra nas eleições autárquicas de 2021, foi hoje anunciado.

O coordenador do Somos Coimbra, José Manuel Silva, refere que as duas forças políticas “partilham visões comuns no que concerne à análise dos problemas aCtuais do concelho de Coimbra e à necessidade de se trabalhar por um desenvolvimento sustentável que respeite e melhore o meio ambiente e a qualidade de vida”.

Segundo o dirigente, o MPT e o Somos Coimbra reconhecem “que só a conjugação de esforços de diferentes forças políticas permitirá apresentar às próximas autárquicas um projecto transformador e ganhador, que promova as necessárias mudanças e motive Coimbra para uma participação eleitoral massiva”.

“O MPT – Partido da Terra acredita que para reverter o declínio de Coimbra, solucionar os graves problemas que afectam o nosso concelho e acabar com o estado a que as coisas chegaram é necessária uma verdadeira mudança na Praça 8 de Maio e não apenas uma mera operação de cosmética superficial ou rotação de cadeiras” – refere Rui Campos, do núcleo de Coimbra.

De acordo com o dirigente, “só um projecto livre, independente e inovador como o do Movimento Somos Coimbra é capaz de verdadeiramente transformar Coimbra. Assim, apoiaremos o Movimento Somos Coimbra nas próximas eleições autárquicas rumo a uma Coimbra mais inteligente, mais humana, mais solidária e amiga do ambiente”.

O SC, que nas autárquicas de 2017 elegeu dois vereadores para a Câmara de Coimbra, nasceu naquele ano como “um movimento de cidadãos independentes, fora do espectro partidário, com o objectivo de dar um futuro de desenvolvimento e modernidade ao concelho de Coimbra”.

O MPT assume-se um partido político “ecologista e humanista”.