Coimbra  28 de Setembro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Eduardo Lourenço distinguido pela Academia Francesa

1 de Dezembro 2016

O filósofo Eduardo Lourenço foi distinguido, hoje, com o Prémio de Divulgação da Língua e Literatura Francesas.

O galardão foi concedido, pela Academia Francesa, no dia do aniversário da morte da mulher do ensaísta.

“Nunca esperava que algum dia tivesse um prémio por me ter interessado e divulgado a própria cultura francesa; enfim, estas coisas (…) parecem contos de fadas”, afirmou o filósofo, citado pela Agência Lusa.

Eduardo Lourenço, 93 anos de idade, licenciado pela Universidade de Coimbra, disse que o prémio da Academia Francesa foi, antes de mais, “uma surpresa absoluta”.

Durante a cerimónia anual de entrega de prémios na Academia Francesa, Danièle Sallenave, directora em exercício da instituição, apresentou Eduardo Lourenço como um “filósofo português que escreveu uma parte da sua obra em francês”, acrescentando ser “conhecido pelos seus trabalhos sobre Fernando Pessoa” e que “publicou várias obras, algumas directamente escritas em francês, como ‘Montaigne’ ou ‘La vie écrite’”.

O Prémio de Divulgação da Língua e Literatura Francesas é destinado a personalidades francesas ou estrangeiras que tenham prestado serviços excepcionais à divulgação do idioma gaulês.