Coimbra  14 de Junho de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Dois detidos em Coimbra por furto a residência e condução sem carta

29 de Janeiro 2024 Jornal Campeão: Dois detidos em Coimbra por furto a residência e condução sem carta

A PSP deteve, no passado sábado, dia 27, dois homens, com 45 e 49 anos de idade, suspeitos da autoria de furto numa residência, em Coimbra, utilizando o método de escalamento.

A detenção foi efectuada, pelas 21h30, na Avenida Fernão de Magalhães, através de mandado de detenção fora de flagrante delito. No momento em que foram detidos, os suspeitos tinham na sua posse dois computadores portáteis, um disco externo, sete relógios de pulso, quatro telemóveis e outros bens, que foram apreendidos.

A Polícia apreendeu ainda um martelo, uma alavanca para arrancar pregos e um ponteiro, artigos que supostamente foram utilizados para aceder ao interior da residência.

Os dois detidos eram esta segunda-feira presentes a autoridade judiciária, que definirá as respectivas medidas de coacção a aplicar.

Também no dia 27, pelas 12h30, a PSP de Coimbra procedeu à detenção de um homem, de 40 anos, por conduzir um motociclo sem habilitação legal. A detenção foi efectuada na Praça 8 de Maio, em Coimbra.

Actividade operacional entre 22 e 28 de Janeiro

Na última semana, entre 22 e 28 de Janeiro, a PSP de Coimbra aplicou 140 autos de contraordenação a automobilistas que desrespeitaram o código da estrada, em resultado de acções de fiscalização de trânsito e excesso de velocidade através de radar. Neste período foram fiscalizadas 305 viaturas, foram controladas 2.570 viaturas por radar e foram realizados 112 testes de alcoolemia.

No que respeita a sinistralidade rodoviária, a PSP de Coimbra registou 36 acidentes, de que resultaram 14 feridos ligeiros.

Ainda no âmbito da sua actividade operacional, entre 22 e 28 de Janeiro, a PSP de Coimbra efectuou oito detenções – cinco através de mandado de detenção, duas por condução sem habilitação legal e uma por posse de arma proibida.