Coimbra  27 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Diocese de Coimbra cria no Loreto nova comunidade eclesial

10 de Setembro 2020 Jornal Campeão: Diocese de Coimbra cria no Loreto nova comunidade eclesial

A Diocese de Coimbra, no próximo fim-de-semana (12 e 13 de Setembro), celebra a criação de uma nova comunidade eclesial, a Reitoria do Coração Imaculado de Maria, no terreno da futura Igreja do Loreto, com a presença da Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima.

O programa celebrativo, presidido pelo Bispo de Coimbra, D. Virgílio Antunes, tem início na noite de sábado, às 21h00, com a vigília de oração, seguida de Terço, às 21h30, e Eucaristia, às 22h30.

A vigília de oração estende-se ao longo de toda a noite, com a participação especial dos vários grupos da comunidade, “sob o olhar” da Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima, enviada pelo Santuário de Fátima para esta ocasião.

A celebração da Eucaristia no dia 13, às 11h00, vai ser transmitida em directo no canal de televisão TVI e constitui o momento alto do evento, no qual terá lugar o Crisma, acto de constituição da Reitoria, tomada de posse do novo Pároco e consagração da Reitoria a Nossa Senhora de Fátima. No final, os presentes vão poder receber a bênção do Papa Francisco enviada especialmente para esta ocasião.

A nova Reitoria criada pelo Bispo de Coimbra vai ser orientada pelo Padre Francisco Prior Claro, num processo iniciado em Julho de 2018, então como Vigário Paroquial de Santa Cruz de Coimbra, com a função específica de acompanhar as três capelanias da zona Norte desta paróquia (Brinca, Loreto e Monte Formoso).

Esta nova jurisdição eclesiástica assume como principais objectivos:

– Promover uma cultura de nova evangelização, procurando o anúncio de Jesus Ressuscitado e o testemunho da caridade cristã, através de um plano pastoral para esta região Norte da Cidade de Coimbra;

– Favorecer a coesão pastoral das anteriores capelanias em torno de uma visão e missão pastoral comum, com um programa alicerçado nos objectivos do Plano Diocesano de Pastoral e na dinâmica de conversão pastoral favorecido pela Exortação “Evangelii Gaudium” (Papa Francisco) e da recente Instrução “A Conversão Pastoral da comunidade paroquial a serviço da missão evangelizadora da Igreja” (Congregação para o Clero);

– Inserir esta nova comunidade cristã no âmbito alargado de uma acção estruturada para todo a cintura urbana da zona Norte de Coimbra, num esforço conjunto com a Reitoria da Pedrulha e a Reitoria de Coselhas com quem esta nova jurisdição pretende trabalhar, segundo a forma de “Unidade Pastoral”;

– Edificar um templo-sede para esta nova comunidade no terreno – já cedido para o efeito há cerca de quarenta anos – no Bairro do Loreto, tornando-o num pólo de espiritualidade e evangelização a partir da devoção ao Coração Imaculado de Maria, de quem a Serva de Deus Irmã Lúcia de Jesus e do Coração Imaculado foi mensageira e testemunha fiel.