Coimbra  26 de Fevereiro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Covid-19: Portugal com número máximo em cuidados intensivos e 303 mortos

31 de Janeiro 2021 Jornal Campeão: Covid-19: Portugal com número máximo em cuidados intensivos e 303 mortos

Portugal registou hoje 858 pessoas internadas em cuidados intensivos, o maior número de sempre, e 303 mortes relacionadas com a covid-19, o mesmo valor alcançado no dia 28, segundo a Direcção-Geral da Saúde (DGS).

O boletim revela também que estão internadas 6 694 pessoas, mais 150 do que no sábado, das quais 858 em unidades de cuidados intensivos, mais 15 do que no dia anterior, valor que representa um novo máximo da fase pandémica.

Desde o início da pandemia, Portugal já contabilizou 12 482 mortes associadas à covid-19.

Nas últimas 24 horas foram registados 9 498 novos casos de infecção por SARS-CoV-2, num total de 720 516 casos de infecção pelo vírus SARS-CoV-2, e mais 7 511 recuperados, totalizando 526 411 desde o início da pandemia em Portugal.

O boletim refere ainda que estão hoje activos 181 623 casos, mais 1 684 do que no sábado.

As autoridades de saúde têm em vigilância 223 991 contactos, menos 1 374 relativamente ao dia anterior.

Das 303 mortes registadas nas últimas 24 horas, metade verificaram-se na região de Lisboa e Vale do Tejo, com 153 óbitos nas últimas 24 horas.

Na região Centro registaram-se mais 1 385 casos, num total de 102 535, e soma 2 201 mortos desde o início da pandemia.