Coimbra  20 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Covid-19: Mais dois mortos e 443 infectados em Portugal

8 de Julho 2020 Jornal Campeão: Covid-19: Mais dois mortos e 443 infectados em Portugal

Portugal regista hoje mais dois óbitos por covid-19, em relação a ontem, e mais 443 casos de infecção confirmados, dos quais 327 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direcção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim epidemiológico diário, o total de óbitos por covid-19 desde o início da pandemia é agora de 1 631 e o total de casos confirmados é de 44 859.

Em termos percentuais, o aumento do número de óbitos foi de 0,12 por cento (passou de 1 629 para 1 631) e o aumento do número de infetados foi de 0,99 por cento (de 44 416 para 44 859).

Lisboa e Vale do Tejo, com um total de 21 256 infectados, permanece como a região onde se regista o maior número de novos casos, com mais 327 nas últimas 24 horas.

Depois de Lisboa e Vale do Tejo surge a Região Norte (17 900 casos), a Região Centro (4 232), o Algarve (com 676 casos, mais 13 em relação a ontem) e o Alentejo (551). Os Açores têm 149 infectados e a Madeira 95 infectados.

Quanto aos óbitos, a região com maior número continua a ser o Norte (821), seguida de Lisboa e Vale do Tejo, que contabiliza 514 mortes.

A região Centro manteve o valor inalterado (248 óbitos) enquanto no Alentejo se registou mais um morto (18). Já o Algarve e Açores continuam com 15 vítimas mortais cada.

Por faixas etárias, o maior número de óbitos concentra-se nas pessoas com mais de 80 anos (1 090), seguidas das que tinham entre 70 e 79 anos (315) e entre os 60 e 69 anos (148). Há 54 óbitos entre os 50 e 59 anos, 20 entre os 40 e 49, dois entre os 30 e os 39 e outros dois entre os 20 e os 29 anos.

As autoridades de saúde mantêm sob vigilância 33 225 contactos de pessoas infectadas – mais 91 do que na terça-feira – e há 1 496 que aguardam resultados laboratoriais.

O número de doentes dados como recuperados, nas últimas 24 horas, é de 269, registando-se agora um total de 29 714 casos nessa situação.