Coimbra  12 de Novembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Congresso Internacional Fernando Namora passa em Condeixa-a-Nova

23 de Outubro 2019

O Congresso Internacional Fernando Namora “e não sei se o mundo nasceu”, que decorrerá entre amanhã (24) e sábado (26), vai passar por várias cidades, terminando no Museu PO.RO.S, em Condeixa.

O evento decorre no âmbito do programa de comemorações do centenário do nascimento de Fernando Namora, com a participação de vários especialistas que se vão debruçar sobre o universo literário do escritor.

“Desejo profundamente que este Congresso possa constituir-se o impulso para uma atenção mais justa a um dos maiores mestres literários contemporâneos, despertando o interesse da comunidade académica para a produção de novas abordagens à obra de Fernando Namora”, salientou Nuno Moita, presidente da Câmara Municipal de Condeixa-a-Nova.

O autarca destaca que o programa de comemorações do centenário “já teve o mérito de trazer à memória do grande público um dos maiores vultos da literatura portuguesa do século XX, cuja obra e legado não pode escapar ao conhecimento, sobretudo, das gerações mais novas”.

O Congresso Internacional Fernando Namora “e não sei se o mundo nasceu” arranca, amanhã (24), na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, prosseguindo no dia seguinte para Vila Franca de Xira.

O dia de encerramento (26) dos trabalhos acontecerá, então, em Condeixa-a-Nova, no auditório do Museu PO.RO.S, com as intervenções de: Isabel Cristina Mateus (Universidade do Minho), que abordará o tema “Fernando Namora ou a arte de desengravatar teorias”; Maria de Lurdes Sampaio (FLUP), com “No tempo da ‘medicina mágica’: Leituras de Fernando Namora”; e José Manuel Mendes (U. Minho) que irá proferir a última conferência, “Fernando Namora, inventários”.

Está, ainda, previsto o lançamento da revista Algar e a realização de uma visita guiada à Casa-Museu Fernando Namora, onde o escritor nasceu e viveu até aos 10 anos.

Actualmente esta Casa-Museu é o principal pólo de divulgação do legado de Namora, onde se desenvolve grande parte da dinâmica cultural da vila de Condeixa-a-Nova.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com