Coimbra  3 de Julho de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Confraria da Cabra Velha certifica restaurante “Travessa com Tapas”

21 de Janeiro 2017 Jornal Campeão: Confraria da Cabra Velha certifica restaurante “Travessa com Tapas”

A sopa de casamento, a chanfana, os negalhos e o chispe são os pratos mais característicos de Miranda do Corvo e que estão associados à carne de cabra velha. É no sentido de os proteger e promover que nasceu a Real Confraria da Cabra Velha que acaba de certificar mais um restaurante, o “Travessa com Tapas”, da Lousã.

As certificações da Real Confraria continuam a bom ritmo, depois do reconhecimento de alguns estabelecimentos de restauração de Miranda do Corvo (Zé Padeiro; A Cancela; Museu da Chanfana; Estação de Sabores e Parreirinha) e até de Lisboa (Coimbra Taberna).

“Seguindo a lógica de defesa, promoção e divulgação da nossa gastronomia, desafiou-se a restauração num contexto de certificação com base na confecção própria do concelho de Miranda do Corvo. Nesse sentido, deu-se início ao processo de ‘Certificação de Restaurantes’ que disponibilizem nas suas ementas os pratos resultantes do aproveitamento ancestral da cabra, nomeadamente a chanfana, os negalhos, a sopa de casamento e o chispe”, explica a Real Confraria.

O restaurante agora certificado, o “Travessa com Tapas” trata-se do antigo “Café Lousanense” e, para além de ser um restaurante muito típico no concelho da Lousã e de estar em funcionamento há mais de 100 anos, serviu, desde sempre, os pratos tradicionais com cabra velha e tem bom reconhecimento na região.

O próximo estabelecimento a ser certificado é “O Trovador”, situado no largo da Sé Velha, em Coimbra.