Coimbra  13 de Junho de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra: Vereador diz que a CDU se equivocou

17 de Fevereiro 2017 Jornal Campeão: Coimbra: Vereador diz que a CDU se equivocou

O vereador Carlos Cidade considerou, hoje, que uma advertência da CDU sobre alegado abate de árvores em Coimbra corresponde a um equívoco.

Interpelado pelo “Campeão”, o vereador da Câmara conimbricense com o pelouro do Ambiente disse que tudo se resume a uma “intervenção técnica”, consistindo esta na poda de arbustos e na remoção de espécies infestantes.

O PCP revelou, ontem, que activistas da CDU de Coimbra constataram o corte de árvores no Parque Verde do Mondego.

Em comunicado, o Partido Comunista imputa o abate a serviços do Município e indica que autarcas da CDU irão “questionar a Câmara” conimbricense sobre o assunto.

“As plantas indicadas como árvores abatidas são, na realidade, da espécie “tamarix” (arbustos que podem atingir porte arbóreo)”, precisou o autarca, acrescentando tratar-se de exemplares que estavam a “limitar espécies de interesse de conservação”.

Para Carlos Cidade, a advertência da CDU emerge do desconhecimento de aspectos técnicos e científicos que se colocam neste tipo de intervenções.

O vereador do PS regista, ainda, a existência de “combate político, a propósito de árvores, entre o movimento Cidadãos por Coimbra e o Bloco de Esquerda, por um lado, e, por outro a CDU”.