Coimbra  17 de Agosto de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra: Segunda idosa burlada por falso bancário

7 de Agosto 2019

No espaço de uma semana é a segunda idosa que, em Coimbra, torna-se vítima de burla perpetrada por um falso funcionário bancário, com a mesma história: substituir o cartão de débito e dar o código PIN.

Conforme refere, hoje, a PSP de Coimbra, este segundo caso ocorreu ontem, na zona as Solum, sendo a vítima uma senhora de 83 anos, que contou ter sido abordada, junto à entrada de sua casa, por um homem com cerca de 40 anos, o qual se apresentou como sendo funcionário de uma instituição bancária.

“Informou-a, falsamente, de que o banco em causa estaria a substituir os seus cartões e que a senhora lhe devia entregar o seu. A vítima acreditou no que lhe dizia e permitiu a entrada do suspeito tendo-lhe, então, entregado o cartão e o PIN. O suspeito, na posse do pretendido, ausentou-se para parte incerta”, conta a PSP.

De acordo com a Polícia, mais tarde, a senhora percebeu que haviam sido feitos dois levantamentos e uma transferência bancária, não autorizados por si, de uma quantia considerável”.

O outro caso ocorreu a 31 de Julho, tendo sido vítima, pelo mesmo método e processo, uma senhora de 80 anos.

Perante mais esta situação, a PSP volta a alertar para “nunca ceder documentos bancários ou pessoais, nem códigos associados”, acrescentando que “não é prática das instituições bancárias recorrerem a estes meios (não têm funcionários na rua)”.

“Se for abordado por alguém tente refugiar-se, chamar as autoridades e contactar o seu banco. Tente chamar alguém para junto de si”, aconselha a PSP.

Diz, ainda, a Polícia, para “não se confiar cegamente em quem não se conhece”, pois “o discurso e apresentação não são garantia de seriedade”.

“Quando o interlocutor lhe é desconhecido, memorize os seus traços físicos e indumentária e conte sempre com a sua Polícia”, refere a PSP.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com