Coimbra  30 de Outubro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra recorda Amália Rodrigues no centenário do seu nascimento

14 de Setembro 2020 Jornal Campeão: Coimbra recorda Amália Rodrigues no centenário do seu nascimento

A Câmara Municipal de Coimbra vai ter patente uma mostra de capas de discos de vinil dedicada a Amália Rodrigues, intitulada “Recordar Amália no Vinil (1920-2020).

A exposição de homenagem a uma das mais conceituadas cantoras e figuras da cultura portuguesa do século XX poderá ser visitada a partir de amanhã (15), e até 15 de Novembro, na Casa Municipal da Cultura de Coimbra, de segunda a sexta-feira, das 10h00 às 19h30, e aos sábados, das 11h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00.

Amália Rodrigues nasceu em Lisboa em 1920. Com uma carreira artística e obra musical preenchida de grandes êxitos e muitos sucessos musicais, celebrou o Fado, renovando-o e dando voz aos poetas portugueses que escolheu e cantou. Levou o Fado aos quatro cantos do mundo, em actuações nas mais famosas salas de espectáculos de muitos países, tendo conquistado a admiração dos mais diversos públicos, demonstrando o seu elevado reconhecimento nacional e internacional e importante contributo na evolução e afirmação da cultura e música portuguesas.