Coimbra  26 de Setembro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra: GNR ou um “gordo negócio de Reininho”

29 de Dezembro 2016 Jornal Campeão: Coimbra: GNR ou um “gordo negócio de Reininho”

O espectáculo da banda GNR em Coimbra, na passagem de ano, custa ao Município o triplo do montante desembolsado, recentemente, pela Câmara da Guarda, apurou o “Campeão”.

A Câmara conimbricense paga a Rui Reininho 30 800 euros, a da Guarda abriu mão de 10 500. No Verão, o Grupo Novo Rock actuou, em Torres Novas, por 8 600 euros.

A intermediação dos contratos cabe, em qualquer dos concertos, à empresa “Nova Acção”.

No caso de Coimbra, a adjudicação abrange material técnico a utilizar pelos Dj´s Kiss Kiss Bang Bang – cuja actuação irá ocorrer, no largo da Portagem, antes e depois do espectáculo da banda de Rui Reininho –, a par do fornecimento de sistema de som e aluguer de dois geradores.

Ainda assim, a autarquia procedeu, anteontem, à aquisição de serviços no montante de 16 440 euros, através de dois contratos referentes a locação de palcos, estruturas complementares e equipamentos de sonorização.

Um contrato, de 11 490 euros, é outorgado pela Câmara conimbricense e pela empresa Festivamente – Eventos e Comunicações; outro, de 4 950 euros, é subscrito pela autarquia e pela sociedade Musimagem – Produção de audiovisuais.

A festa de passagem de ano em Coimbra começa, pelas 21h30 de sábado (31), no renovado largo do Terreiro da Erva, com a banda Rockluso.

A praça do Comércio acolhe os Club Banditz, duo de Dj’s que concebeu um espectáculo vocacionado para a data.

Quem quiser dar um pé de dança conta, na também denominada praça “Velha”, com a exibição dos Dj´s Dynamic Duo.

Pelas 00h00 de domingo (01 de Janeiro de 2017), na praça de 08 de Maio, tem início o evento Revival Music (melodias das últimas décadas do século XX).

 

Autor: R.A.