Coimbra  28 de Novembro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra: ESEnfC debate práticas para controlo de infecções.

15 de Novembro 2021 Jornal Campeão: Coimbra: ESEnfC debate práticas para controlo de infecções.

Coimbra recebeu hoje (15) e vai manter até quarta-feira, uma equipa europeia que debate sobre a inclusão nos cursos de Enfermagem de práticas inovadoras para controlo de infecções.

A iniciativa, liderada pela Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), reúne uma equipa multidisciplinar que junta parceiros de Portugal, Espanha, Finlândia e Polónia e que escolheram Coimbra para discutir o desenvolvimento de modelos inovadores para o ensino de enfermagem no campo da prevenção e do controlo das infecções associadas aos cuidados de saúde (IACS).

Enfermeiros, médicos, professores e psicólogos, liderados pela Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), e beneficiando do apoio das áreas da Engenharia Química, Gestão, Empreendedorismo e Saúde Pública, ultimam um projecto europeu que compreende a disponibilização gratuita – para alunos, professores e enfermeiros –, em formato e-book, das directrizes de boas práticas neste domínio e a construção de cenários de simulação, a utilizar como ferramenta didática de aprendizagem, quer em ensino presencial, quer no ensino à distância.

“InovSafeCare – Educating Students for Innovative Infection Prevention and Control Practices in Healthcare Settings” (InovSafeCare – Educando Alunos para as Práticas Inovadoras de Prevenção e Controle de Infecções em Ambientes de Saúde) é o nome do projecto, apoiado financeiramente pelo programa Erasmus+ da União Europeia, que, além da ESEnfC, integra a Universidade de Salamanca (Espanha), a Savonia University of Applied Sciences (Finlândia), o Hipolit Cegielski State College of Higher Education in Gniezno (Polónia) e o Instituto Politécnico de Santarém (Portugal).

Iniciado no final de 2018, o projecto, que deverá ficar concluído este ano, pretende, complementarmente, estimular nos estudantes de enfermagem a necessidade de pensarem criticamente sobre a realidade que os rodeia e de desenvolverem ideias inovadoras que preencham as lacunas identificadas no campo da prevenção e controlo das IACS.

O projecto InovSafeCare enquadra-se no TecCare, eixo estratégico da Unidade de Investigação em Ciências da Saúde: enfermagem, da ESEnfC, que pretende aliar o conhecimento e a prática clínica à investigação experimental desenvolvida no mundo do ensino superior no domínio das tecnologias dos cuidados de saúde, visando a inovação e a transferência de conhecimento para uma melhoria da saúde prestada às populações.

InovSafeCare foi apoiado pela Agência Nacional Erasmus+ Educação e Formação, no âmbito de uma candidatura à Acção Chave 2 do Programa Erasmus+, no sector do Ensino Superior (KA203 – Strategic Partnerships for Higher Education), com uma subvenção de quase 338 mil euros.