Coimbra  13 de Julho de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra: Ciclo de música Orphika regressa com 38 concertos pela cidade

3 de Novembro 2023 Jornal Campeão: Coimbra: Ciclo de música Orphika regressa com 38 concertos pela cidade

A quinta edição do ciclo de música Orphika, que se realiza de 8 de Novembro a 8 de Dezembro, é composta por 38 concertos e seis eventos a decorrer em vários espaços da cidade de Coimbra.

“Temos 38 concertos além de outros seis eventos convergentes que amplificam, por assim dizer, a experiência da fruição estética”, afirmou o vice-Reitor da Universidade de Coimbra (UC) para a Cultura e Ciência Aberta, Delfim Leão.

De acordo com a UC, o evento pretende combinar a investigação, formação e a execução artística.

Durante a apresentação do programa da quinta edição do ciclo de música Orphika, que decorreu, esta manhã (3), no Teatro Académico de Gil Vicente, Delfim Leão referiu que os concertos acontecem em vários espaços de Coimbra, visto que uma das preocupações da instituição é “tornar toda a cidade num grande palco”.

A Capela de São Miguel da UC, a Praça do Comércio, na Baixa da cidade, o Convento de Santa Clara-a-Nova e a Igreja de São José são alguns dos locais onde vão decorrer as actuações.

Pela primeira vez, a Sé Velha de Coimbra vai acolher um espectáculo, intitulado “In Memoriam Pedro Thalesio”, pela Associação Capela Gregoriana Psalterium, no dia 12 de Novembro.

Outra das novidades são os novos parceiros que integram a iniciativa, como é o caso da Associação Alma de Coimbra, um grupo de antigos estudantes da UC, composto por um coro masculino que é acompanhado por piano, contrabaixo, violino e pontualmente percussão e por um grupo de guitarras no feminino, com a guitarra de Coimbra e viola.

A Associação Alma de Coimbra com a UC e a Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais vão apresentar um concerto de fado “Sons da Portugalidade”, no dia 24 de Novembro, no grande auditório do Conservatório de Música de Coimbra.

O vice-Reitor deu ainda destaque à performance musical “Restos Sonoros”, que acontece no dia 21 de Novembro, pela secção de escrita e leitura da Associação Académica de Coimbra (AAC), um espectáculo que “faz confluir a poesia e a música”.

No primeiro momento, a oficina “A forma da poesia” explora a construção poética a partir das noções de verso, rima e ritmo, sendo que, após o ‘workshop’, todo o público é convidado a integrar uma ‘jam session’.

Já o concerto “Natais do Mundo” leva o ouvinte a viajar por canções de Natal de quatro continentes, de países como Moldova, Coreia do Sul, Austrália e Chile, no dia 26 de Novembro, na Igreja do Carmo, pelo Coro Staccato com a Associação Cultural Os Destacados.

O repertório de Natal será interpretado nas línguas originais de cada país.

A maioria dos concertos que compõem o programa, organizado pela UC, tem entrada gratuita.