Coimbra  15 de Setembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra apoia reconstrução do Hospital da Cidade da Beira em Moçambique

4 de Setembro 2019

O presidente da Câmara de Coimbra, Manuel Machado, assinou, hoje, um protocolo com a Associação Health4Moz que prevê uma ajuda financeira de 100 000 euros destinados a suportar encargos referentes à reconstrução do Hospital da Cidade da Beira, em Moçambique.

Coimbra e a Cidade da Beira são geminadas desde 1997 e em Março deste ano esta foi tragicamente afectada pelo ciclone Idai.

Depois de identificada a necessidade urgente de reconstrução do Hospital da Cidade da Beira, com o objectivo de reabilitar o edifício e recuperar em definitivo as funções médicas perdidas por aquela unidade durante a catástrofe, foi priorizado o Bloco Operatório, face à necessidade de resposta na procura de Serviços Cirúrgicos.

A intervenção foi autorizada pelo Ministério da Saúde do Governo de Moçambique, levando assim a CMC a atribuir uma comparticipação financeira no montante de 100 000 euros, para ajudar a Associação Health4Moz a realizar a obra.

Hoje, o protocolo que estabelece esse apoio foi assinado pelo presidente da Câmara de Coimbra, Manuel Machado, e a presidente da Health4Moz, Carla Rêgo.

A CMC disponibilizou-se, ainda, para recolher, desde Março, bens alimentares e de primeira necessidade para ajudar o povo de Moçambique, em particular da Beira, tendo em conta o comunicado da Embaixada da República de Moçambique em Lisboa, e as necessidades imediatas determinadas pelo Governo Moçambicano.

“A autarquia tem colaborado activamente para atenuar as dificuldades que esta calamidade provocou na Província de Sofala, nomeadamente contribuindo financeiramente para as operações de reconstrução em curso”, refere a CMC.

O ciclone Idai afectou pelo menos 2,8 milhões de pessoas em três países africanos e a área submersa em Moçambique chegou a ser de cerca de 1 300 quilómetros quadrados, segundo estimativas de organizações internacionais.

A cidade da Beira, no centro litoral de Moçambique, que é geminada com Coimbra desde 1997, foi uma das mais afectadas pelo ciclone, na noite de 14 de Março.

A Associação Health4Moz é uma ONGD com trabalho de terreno desenvolvido em Moçambique e na Cidade da Beira, onde se encontra envolvida em projectos de assistência humanitária nas áreas da saúde, incluindo acções de formação, assistência médica, medicamentosa e alimentar e capacitação do pessoal médico local.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com