Coimbra  5 de Junho de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra adia pagamento das rendas habitacionais nos bairros municipais

31 de Março 2020 Jornal Campeão: Coimbra adia pagamento das rendas habitacionais nos bairros municipais

Manuel Machado, presidente da Câmara Municipal de Coimbra, determinou o adiamento do pagamento das rendas habitacionais em todos os fogos municipais, durante os próximos três meses.

Este valor será diluído equitativamente, sem qualquer penalização, nas rendas relativas ao segundo semestre deste ano, 2020.

A medida, que abrange cerca de 1 000 famílias, integra o plano que a autarquia se prepara para anunciar nos próximos dias para fazer face aos impactos negativos da covid-19 nos rendimentos das famílias, na actividade económica e nas associações.

A Câmara de Coimbra está a preparar várias medidas para ajudar as famílias, as empresas, as associações culturais e desportivas, as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e os órgãos de comunicação social sediados em Coimbra a superarem os impactos negativos associados à pandemia.

O adiamento das rendas é a primeira medida, estando a autarquia já a trabalhar para anunciar nos próximos dias um pacote de medidas de apoio, que se juntam a outras que têm sido adoptadas nas últimas semanas, como o fornecimento das refeições escolares a todas as crianças e jovens que delas necessitem, em regime ‘take-away’; o reforço da equipa municipal de apoio aos sem-abrigo e encaminhamento para instituições de acolhimento, através da articulação com a Segurança Social; e a isenção de taxas de ocupação permanente em bancas e lojas, de ocupação diária e de venda de gelo, aos pequenos comerciantes e produtores locais do Mercado Municipal D. Pedro V.