Coimbra  15 de Setembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

CMC: Receitas correntes financiam investimento

29 de Outubro 2018

As despesas de capital (investimento) da Câmara de Coimbra previstas na proposta de orçamento para 2019 são financiadas em perto de 20 milhões de euros pelas receitas correntes, apurou o “Campeão”.

O executivo municipal conimbricense reúne-se, terça-feira (30), extraordinariamente, para deliberar sobre uma proposta cujo montante global ascende a 98,91 milhões de euros (quase 7,50 milhões de euros abaixo da quantia aprovada para 2018).

O valor do orçamento da principal autarquia de Coimbra para o presente ano, 106,33 milhões de euros, representou um aumento de cerca de 12,30 por cento em relação à quantia de 2017.

As receitas correntes da CMC estimadas para 2019 cifram-se em 80,10 milhões de euros e as de capital em perto de 19 milhões.

As despesas de capital (investimento) correspondem a perto de 38 milhões de euros e as correntes suplantam 60 milhões.

Segundo apurou o “Campeão”, o valor a transferir da praça de 08 de Maio para as juntas das 18 freguesias do concelho, no âmbito dos contratos interadministrativos de delegação de competências e dos acordos de execução, é de 3,08 milhões de euros (uma terça parte do montante recomendado através de uma moção aprovada pela Assembleia Municipal mediante proposta da CDU).

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com