Coimbra  30 de Novembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Clube Olivais de Coimbra quer reforçar aposta na formação

9 de Julho 2020 Jornal Campeão: Clube Olivais de Coimbra quer reforçar aposta na formação

Reforçar a aposta na formação é a grande prioridade da nova Direcção do Olivais Futebol Clube (FC), conforme o plano de actividades para o biénio de 2020/2022 apresentado, hoje, pela equipa liderada por António Fonseca.

Apostando em duas áreas distintas – a desportiva e outra mais direccionada para obras e actividades sociais -, a nova equipa quer continuar a projectar este clube que, nos seus 85 anos de vida, muito tem feito em prol do basquetebol e do desporto em geral, levando longe o nome de Coimbra.

Na presença de representantes de três entidades que sempre estiveram ao lado da colectividade – Câmara de Coimbra, Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais e Associação de Basquetebol de Coimbra, ali representados respectivamente pelo vice-presidente Carlos Cidade e pelos presidentes Francisco Andrade e Luís Santarino –, Márcio Oliveira, vice-presidente do Olivais, deu a conhecer os projectos que delinearam para os dois próximos anos, onde se destaca, a nível desportivo, a manutenção das equipas seniores bastante competitivas; a criação de equipas satélite femininas, que permitam maior rotatividade e experiência às atletas; e a manutenção de todos os escalões da formação, dos Sub-14 aos Sub-19, incluindo aqui a criação do de Sub-18 que não existe.

António Fonseca afirmou que o desafio passa por “manter o nível competitivo das equipas seniores – feminina e masculina – mas com orçamentos necessariamente inferiores comparativamente aos anos anteriores”. A equipa faz da formação a sua maior prioridade, numa visão de futuro que visa permitir, nos próximos anos, que as equipas seniores sejam compostas essencialmente por estes atletas formados no clube.

A criação de escolas de minibasquete, de forma a atrair as crianças para a prática da modalidade, é outro dos projetos que o Olivais pretende implementar. Trata-se, segundo explicou Márcio Oliveira, de uma iniciativa que vai estimular também a criação de escolas noutras freguesias do concelho e mesmo noutros municípios vizinhos onde a modalidade não exista. Está também prevista a realização de campos de férias desportivas ou de aperfeiçoamento técnico, abertos a atletas do clube mas também a toda a comunidade.

O vice-presidente sublinha que a intenção do Olivais é estabelecer o máximo de parcerias possível com as entidades da cidade e da região e quer ser também presença assídua nos vários eventos realizados na cidade, mesmo de cariz social e festivo, como a Romaria do Espírito Santo, os Santos Populares, o Mercado de Natal, a Feira Cultural, entre outros. Tal como sucede com outras colectividades e associações, a Direcção pretende aproveitar estes eventos para realizar alguma receita extra que possa ajudar na concretização dos seus projectos.

Rever o projecto do tão ansiado novo pavilhão, anunciado há muito para as traseiras do actual, está também na lista das prioridades da Direcção, de forma a que possa ser candidatado já em Janeiro ao Regulamento Municipal de Reabilitação de Infraestruturas Desportivas.

Construir um ginásio e um gabinete de fisioterapia nas actuais instalações; requalificar salas de reuniões, gabinetes diversos e balneários; valorizar a sala de troféus; lançar uma campanha para angariação de novos sócios; e reativar o Jornal do Olivais são também objectivos da nova Direcção.