Coimbra  24 de Outubro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

CIM de Coimbra lança concurso internacional para transporte público na região

23 de Julho 2021 Jornal Campeão: CIM de Coimbra lança concurso internacional para transporte público na região

A Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra aprovou, por unanimidade, o lançamento do concurso público internacional para a concessão do serviço público de transporte rodoviário de passageiros na região, anunciou aquela entidade.

A rede colocada a concurso, com uma extensão total de cerca de 7,9 milhões de quilómetros anuais, tem por base a rede actual, mas com diversos ajustamentos, para “melhorar a eficiência do transporte público”, refere a Comunidade Intermunicipal numa nota de imprensa.

“Com esta concessão queremos garantir o transporte público para toda a população da Região de Coimbra, desde os territórios mais urbanos, aos de baixa densidade”, sublinha, citado na nota de imprensa, o secretário executivo da CIM, Jorge Brito.

“O novo concessionário terá de garantir mais linhas, novos horários, maior qualidade e eficiência ambiental nas frotas e assegurar a compatibilização com o sistema de bilhética intermodal”, salienta o responsável.

A concessão em causa terá a duração de cinco anos, prorrogáveis até um período máximo de dois anos, com um período de transição de seis meses, tanto no início como no final do contrato.

“A este procedimento concursal corresponde uma despesa pública máxima de cerca de 22 milhões de euros, suportados pelos municípios da CIM da Região de Coimbra ao longo de toda a concessão, sendo o valor económico da concessão estimado em cerca 15 milhões de euros anuais, de acordo com o estudo de avaliação económico-financeira efectuados”, lê-se no mesmo comunicado.

A CIM estabeleceu alguns requisitos no que respeita à frota, condições essas que “protejam o meio ambiente, nomeadamente a idade máxima e média da frota e a classe de emissões poluentes dos veículos”.

O lançamento do concurso surge na sequência do parecer positivo da Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT), emitido em Maio, sobre as peças do concurso.

A execução de um “transporte flexível em praticamente todos os concelhos da região” surge para “satisfazer as necessidades das populações, sobretudo das que estão mais isoladas”, realça a Comunidade Intermunicipal.

A CIM da Região de Coimbra é constituída pelos 17 municípios que integram o distrito de Coimbra – Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua e Vila Nova de Poiares – e pelos municípios da Mealhada e de Mortágua, nos distritos de Aveiro e de Viseu, respetivamente.