Coimbra  25 de Outubro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

CIM da Região de Coimbra protege espécies ameaçadas

1 de Outubro 2020 Jornal Campeão: CIM da Região de Coimbra protege espécies ameaçadas

A Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra viu aprovada, pelo Fundo Ambiental, uma candidatura com a designação de “FloraReply”, que visa a operacionalização de acções de conservação e protecção de espécies actualmente ameaçadas ou em declínio nos territórios da Rede Natura 2000 da CIM Região de Coimbra.

Este projecto é realizado em parceria com a Escola Superior Agrária de Coimbra e irá decorrer até ao final do ano de 2020, envolvendo um investimento de cerca de 80 000 euros, financiados a 95 por cento pelo Fundo Ambiental.

As espécies integradas no projecto são o Nenúfar Amarelo (Nuphar luteum), Nenúfar-branco (Nymphaea alba), Vallisneria spiralis (saca rolhas), Lysimachia Ephemerum e Estaque-do-baixo-mondego (Stachys palustris).

Em termos práticos, a candidatura prevê o mapeamento dos locais onde ainda podem ser avistadas estas espécies; realização de trabalhos de conservação no local através da colocação de barreiras de protecção e da redução dos factores de ameaça; transplante de alguns exemplares destas espécies para outros locais adequados dentro da Região de Coimbra; e garantia de intervenção em duas novas espécies exóticas invasoras avistadas na Região, tentando erradicar as mesmas ainda na sua fase inicial de instalação.

O projecto agora aprovado apresenta uma enorme complementaridade com outros investimentos que se encontram a decorrer na Região, nomeadamente o “Prevenção, Controlo e Erradicação de Espécies Exóticas Invasoras no território da CIM RC”, aprovado pelo POSEUR, tendo um contributo decisivo face à perda de biodiversidade na região devido à dispersão de espécies exóticas invasoras.

O projecto prevê, ainda, algumas acções de comunicação, bem como a colocação de estruturas físicas de contemplação das espécies protegidas.