Coimbra  19 de Outubro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

CHUC realizam procedimento inovador para a hemodiálise

3 de Outubro 2019

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) realizou, a 23 de Setembro, um procedimento inovador que permitiu a colocação de um dispositivo vascular para realização de hemodiálise.

A intervenção tratou-se de uma “desobstrução de uma oclusão completa de uma veia central”, levado a cabo pela equipa de Nefrologia de Intervenção do Serviço de Nefrologia, liderada pelo médico especialista Nuno Afonso, com o apoio da Unidade de Hemodinâmica do Serviço de Cardiologia e do Serviço de Cirurgia Vascular.

Segundo o CHUC, “em Portugal existem cerca de 12 000 doentes a realizar hemodiálise regular. Estima-se que entre 15 a 20 por cento possam ter oclusões completas de veias centrais que dificultem a obtenção de um acesso venoso para a realização desta técnica”.

Para Rui Alves, director do Serviço de Nefrologia, “este procedimento utilizou pela primeira vez em Portugal um dispositivo e uma técnica pioneiras, o Surfacer®, que irá permitir alargar o leque de opções técnicas para a resolução de situações limite em termos de acessos vasculares em doentes em hemodiálise”. E continuou, dizendo que “de resto, tem tido um especial enfoque nesta sub-população de doentes em hemodiálise com esgotamento de acessos vasculares, possuindo a maior casuística nacional na implantação de outro dispositivo endovascular, a prótese HeRO (Hemodialysis Reliable Outflow)”.

Refira-se que a Unidade de Nefrologia de Intervenção do CHUC tem funcionado desde 2012 com o apoio essencial do Serviço de Cardiologia (Unidade de Hemodinâmica), e também do Serviço

de Cirurgia Vascular, tendo realizado, desde então, mais de 500 procedimentos.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com