Coimbra  20 de Outubro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

CHUC distingue dadores e promove campanha de apelo à dádiva de sangue

6 de Julho 2021 Jornal Campeão: CHUC distingue dadores e promove campanha de apelo à dádiva de sangue

O Serviço de Sangue e de Medicina Transfusional do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), com apoio da Associação de Dadores de Sangue de Coimbra, vai promover, amanhã, dia 7, pelas 10h00, um agradecimento especial.

A acção, que visa agradecer os dadores regulares de sangue, enaltecendo o seu generoso contributo, vai decorrer no auditório principal dos HUC-CHUC. Em simultâneo, vai ser apresentada a campanha – Neste verão, seja um “Dador Salvador” -, com a finalidade de motivar e sensibilizar novos dadores tendo promovido um vídeo para apelar, sobretudo, à sensibilização dos mais jovens.

O evento terá um dos seus momentos mais relevantes com a atribuição da distinção máxima ao dador com mais de 100 dádivas e contará ainda com a presença de 30 dadores que, em representação de toda a comunidade dadora de sangue do CHUC, irão receber os galardões de ouro, prata e bronze, atribuídos pelo Ministério da Saúde.

O CHUC conta com cerca de 18 000 dadores/ano inscritos, resultando em cerca de 14 000 unidades de sangue total, número insuficiente para as necessidades actuais, relembrando ainda que cada dádiva de sangue de um dador pode ajudar a salvar até três vidas.

Recorda-se que podem dar sangue todas as pessoas com bom estado de saúde e com hábitos de vida saudáveis, peso igual ou superior a 50 kg e idade compreendida entre os 18 e 65 anos. Para uma primeira dádiva de sangue, o limite de idade é aos 60 anos.  A dádiva de sangue é benévola e não remunerada e pode ser efectuada de quatro em quatro meses pelas mulheres e de três em três meses pelos homens.