Coimbra  23 de Novembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

CDU/PCP lamenta silêncio sobre o Centro de Saúde de Condeixa

20 de Agosto 2019

A não resolução dos problemas graves que têm afectado o Centro de Saúde de Condeixa, com consequentes danos para os utentes, é considerada pela CDU/PCP-PEV como uma estratégia para, talvez, “encerrar de vez” esta unidade de saúde.

O “crescente mau funcionamento” do Centro de Saúde de Condeixa é lamentado pelo partido que pela “falta de profissionais de saúde e administrativos, por baixa, por férias, ou por outro qualquer motivo, e a sua não substituição, tem vindo a colocar a todos os que desta Unidade dependem, graves problemas no acesso aos cuidados de saúde de muitos milhares de utentes e consequentemente criando um grande mal-estar no quadro de pessoal”.

Apesar de a situação ser conhecida pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro, bem como pelo “responsável desta unidade, o que se agrava ainda mais, perante o lamentável silêncio do presidente da autarquia – Nuno Moita – que o torna cúmplice nesta falta de respeito pelos seus munícipes”.

Este mau funcionamento recorrente obriga muitos dos utentes a recorrer à urgência hospitalar, sobrecarregando ainda mais estes serviços.

“Estaremos provavelmente, perante uma estratégia da ARS, que fragilizando estes serviços, e obrigando os utentes a procurar outras soluções, (públicas ou privadas) venha posteriormente arranjar uma falsa justificação para argumentar que a existência deste serviço de proximidade não se justifica, encerrando-o de vez”, refere a CDU / PCP-PEV.

“É chegado o tempo de clarificarem se são a favor ou contra ao SNS. Estamos certos que a população fará ouvir a sua vontade”, conclui.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com