Coimbra  21 de Janeiro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

CCI da Cáritas de Coimbra celebrou 19.º aniversário com abertura de biblioteca

3 de Dezembro 2020 Jornal Campeão: CCI da Cáritas de Coimbra celebrou 19.º aniversário com abertura de biblioteca

O Centro Comunitário de Inserção (CCI), equipamento da Cáritas Diocesana de Coimbra, assinalou no passado dia 28 de Novembro, os seus 19 anos de trabalho comunitário na Baixa de Coimbra.

A data não ficou marcada apenas pela celebração do aniversário, mas constituiu também uma oportunidade para inaugurar a tão aguardada Biblioteca Comunitária e fazer a abertura oficial do Mercado Social de Natal.

A recepção aos convidados iniciou com a inauguração e visita ao Mercado, no qual estão expostos os trabalhos elaborados pelas utentes do Centro Comunitário com o apoio dos colaboradores. Esta iniciativa pode ser visitada nos dias úteis com um horário das 09h30 às 13h00 e das 14h00 às 17h30.

“Numa época em que a pandemia impediu uma merecida abertura oficial ao público, foi feita uma inauguração simbólica da Biblioteca Comunitária com um reduzido número de convidados. Desde Junho que este sonho começou a ganhar forma com a recolha de livros junto da comunidade. Foi feito o reconhecimento de todos os “padrinhos” e “madrinhas”, pessoas e instituições que doaram livros. O CCI recebeu generosas doações da Biblioteca Municipal de Cantanhede, da Casa da Esquina e da União de Freguesias de Coimbra e aguarda ainda a doação de cerca de 300 obras provenientes do Município de Cantanhede”, afirmou a Cáritas.

“Pequenina, mas gigante na sua ambição”, foi assim que Manuel Antunes, presidente da Cáritas, saudou a iniciativa e realçou o potencial do projecto que conta já com mais de 2 300 livros. Segundo Cristina Melo e Sandra Varela, ambas colaboradoras no Centro Comunitário de Inserção, esta é uma “Biblioteca Comunitária que é de todos e para todos” e que pretende dar acesso à cultura e informação “diminuindo as desigualdades sociais”.

No decorrer das celebrações também houve espaço para a poesia e a música. Os participantes assistiram ainda à apresentação do projecto “Contadores de Histórias”, dinamizado pelo grupo de teatro do Centro anfitrião.