Coimbra  5 de Dezembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Carlos Robalo Cordeiro eleito presidente da European Respiratory Society

10 de Setembro 2020 Jornal Campeão: Carlos Robalo Cordeiro eleito presidente da European Respiratory Society

Carlos Robalo Cordeiro, director da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC) e do Serviço de Pneumologia do Centro Hospitalar e Universitário (CHUC), foi eleito presidente “European Respiratory Society”, a maior sociedade científica europeia dedicada à investigação e formação em torno de patologias respiratórias.

O médico pneumologista, que já foi também presidente da Sociedade Portuguesa de Pneumologia, tinha já sido distinguido como membro honorário da European Respiratory em 2019 (sendo o primeiro português galardoado com esta distinção), assumirá de 2020 a 2021 o cargo de vice-presidente; em 2021-2022, o de presidente-eleito; entre 2022 e 2023, presidente da sociedade e entre 2023 e 2024 o de ‘past-president’.

“É, simultaneamente, uma sensação de preenchimento pessoal e profissional e de compromisso e gratidão para com os meus mestres, os meus colegas, os meus discípulos, os doentes respiratórios, e a minha família, a quem tudo devo e tudo é devido”, assume Carlos Robalo Cordeiro, acrescentando que este “é também um reconhecimento do trabalho que a Pneumologia portuguesa vem desenvolvendo”. O médico expressou ainda os seus agradecimentos à Sociedade Portuguesa de Pneumologia por “todo o apoio concedido neste processo eleitoral”.

Entre os vários projectos e ambições que tem para este período de liderança da ERS, Carlos Robalo Cordeiro não esconde o desejo de trazer a Lisboa um congresso anual da entidade a que irá presidir.

“É, para a Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP), uma grande honra e um grande orgulho anunciar a vitória de Carlos Robalo Cordeiro nas eleições para a presidência da ERS num mandato de quatro anos”, afirmou António Morais, presidente da Sociedade, adiantando que “é, no fundo, o corolário de um percurso notável e ímpar do professor Carlos Robalo Cordeiro a quem expressamos as maiores felicitações e uma vez mais lhe manifestamos todo o nosso apoio neste elevado desafio que agora se inicia”.

Note-se que esta é a primeira vez que um especialista português ocupa este cargo.