Coimbra  21 de Setembro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Carlos Figueiredo eleito presidente da Secção do Centro da Ordem dos Arquitectos

28 de Junho 2020 Jornal Campeão: Carlos Figueiredo eleito presidente da Secção do Centro da Ordem dos Arquitectos

A lista C “Isto só lá vai com todos” foi a grande vencedora das eleições na Ordem dos Arquitectos, na sexta-feira (26), tendo elegido para primeiro presidente da Secção Regional do Centro Carlos Figueiredo.

Associada à lista vencedora para bastonário, pela qual foi eleito Gonçalo Byrne, a candidatura de Carlos Figueiredo opunha-se a outras três, encabeçadas por Maria de Fátima Lourenço, António Maria da Costa e Rui Seco, que pela primeira vez disputavam o cargo para a recém-criada Secção Regional do Centro.

A lista “C” obteve 38,12 por cento (324 votos) para a Mesa da Assembleia Regional; 38,71 por cento (329 votos) para o Conselho Directivo Regional; e 33,41 por cento (284 votos) para o Conselho de Disciplina Regional.

Coimbra, que tinha um Núcleo de Arquitectos, fundado no século passado (XX), vê agora concretizada a aspiração de ter a Secção Regional do Centro, na sequência da aprovação do regulamento, em 25 de Janeiro deste ano, pela Ordem dos Arquitectos, que passa a abranger parte do distrito de Aveiro e de Leiria e os distritos de Coimbra, Viseu, Castelo Branco e Guarda.

As eleições decorreram através das plataformas digitais devido às restrições impostas pela pandemia de covid-19.

O arquitecto Gonçalo Byrne é, então, o novo presidente do Conselho Directivo Nacional da Ordem dos Arquitectos, num sufrágio em que participaram 6.952 arquitectos, ou seja, 27,31 por cento dos eleitores que estão registados no caderno eleitoral, que elegeram os órgãos sociais da Ordem, nacionais e regionais, para o triénio 2020-2022.

Para além da Secção do Centro, pela primeira vez foram eleitos órgãos regionais para o Norte, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo, Algarve e regiões autónomas da Madeira e Açores.

De um total de 21 elementos que integram a assembleia de delegados, o órgão deliberativo da Ordem dos Arquitectos, a lista C de Gonçalo Byrne elegeu nove delegados, seguida pela lista B, “A Ordem és tu”, que elegeu seis delegados.

A Ordem dos Arquitectos conta com 25 000 inscritos em todo o país, embora nem todos estejam no activo, dos quais 2 000 na região Centro.