Coimbra  17 de Setembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Caramulo Motorfestival com a maior edição de sempre

2 de Setembro 2019

A XIV edição do Caramulo Motorfestival, o maior festival motorizado em Portugal, realiza-se nos próximos dias 06, 07 e 08 de Setembro, com muitas novidades e a maior programação de sempre.

Organizado pelo Museu do Caramulo, em parceria com o Automóvel Club de Portugal, o Caramulo Motorfestival tem este ano a edição mais marcante, numa altura em que se comemoram os 60 anos do Museu e os 40 anos da Rampa do Caramulo. A organização espera um aumento significativo do número de visitantes, face aos 30 000 das edições anteriores.

“Esperamos ter um aumento de 10 a 20 por cento no número de visitantes, devido ao programa de qualidade que conseguimos apresentar”, sublinhou Salvador Patrício Gouveia, do Museu do Caramulo, hoje, durante a conferência de Imprensa.

“Vamos trazer um conjunto de pilotos convidados de grande nível, como Marku Allen ou Filipe Albuquerque, além de alguns pilotos que fizeram história nas primeiras edições da Rampa do Caramulo, alguns deles com os carros originais. Temos um plantel de luxo tanto nos automóveis como nos pilotos”, acrescentou.

O organizador recordou que, em 2006, o Caramulo Motorfestival integrava apenas quatro eventos, número que este ano ascende aos 50, divididos pelos três dias e destinados a toda a família. “Vamos contar com mais de 1 100 automóveis, motos e aviões nos diversos eventos do programa”, adiantou.

Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal, destacou o facto de este ser um “evento turístico-desportivo que dura três dias, o que está em linha com a matriz do Turismo Centro de Portugal, focada em aumentar a permanência de turistas na região”, e de ser um festival “que apresenta um programa destinado a vários segmentos de público”. Além de que, disse, “demonstra a aptidão que o Centro de Portugal tem hoje para receber grandes eventos turístico-desportivos, e em particular motorizados, como foi o caso do Rali de Portugal, que levou milhares de pessoas à região”. “O Caramulo Motorfestival revitaliza a marca Caramulo e projecta toda a região. É uma bandeira do Centro de Portugal”, acrescentou Pedro Machado.

Pedro Adão, vereador na Câmara Municipal de Tondela, assinalou o facto de o festival ter este ano “uma dimensão muito maior”. “A Câmara Municipal de Tondela não poderia deixar de se associar e de apoiar este festival, pela projeção que faz do concelho. Tal como o Museu do Caramulo, que ao longo dos anos tem colocado o Caramulo no centro das atenções, com significativo impacto turístico”, frisou.

João Jordão, do Automóvel Club de Portugal (ACP), elogiou a capacidade do evento em ter “conseguido construir um posicionamento único no panorama nacional”. Além disso, realçou a circunstância de o festival acontecer “fora de Lisboa e dos grandes centros”. “O ACP é adepto de se levar o desporto automóvel a todo o país”, considerou.

Edição com muitas novidades

A principal atracção do Caramulo Motorfestival continua a ser a Rampa Histórica Michelin, que este ano contará com quase 90 automóveis clássicos, históricos e de competição, nas categorias de velocidade e regularidade. A Rampa do Caramulo celebra 40 anos em 2019, data que será assinalada durante o Caramulo Motorfestival com uma exposição temporária intitulada “Rampa do Caramulo – 40 Anos”, patente no Hotel do Caramulo e com entrada livre.

Como é hábito, o evento vai também contar com uma longa lista de pilotos convidados a participar na Rampa Histórica Michelin e no convívio com o público. Entre estes encontra-se Markku Alén, o piloto que detém o título de maior número de vitórias em estágios no Campeonato Mundial de Rali, que se estreia no evento e que irá fazer as delícias dos amantes dos ralis e da velocidade. Juntam-se a ele, ainda, Filipe Albuquerque, o piloto português que compete atualmente no Campeonato DTM e Pedro Marreiros, Campeão de Espanha Gts.

Para assinalar os 40 anos da Rampa do Caramulo, o Caramulo Motorfestival vai ainda contar com a presença de vários pilotos que correram na prova nos anos 70 e 80 como Albino Abrantes, Ni Amorim, António Rodrigues, Edgar Fortes, Araújo Pereira, António Barros, Veloso Amaral ou Alcides Petiz.

Entre as muitas novidades da edição deste ano, está a Motorlândia Fun Park, um miniparque de diversões destinado aos mais novos, com um comboio, uma pista de karts elétricos e muitos jogos e simuladores. A Feira da Automobilia cresce e será ao ar livre.

Outras novidades incluem a introdução de uma Pista de Trial, onde além de poderem assistir a demonstrações em moto e bicicleta realizadas por pilotos profissionais, o público (miúdos e graúdos) vai poder realizar batismos de Trial em motos eléctricas. O perímetro do evento vai também ser alargado para poder dar resposta à crescente procura de clubes e particulares, que querem visitar e participar no Caramulo Motorfestival, com os seus automóveis e motociclos clássicos.

O programa inclui, também, o Passeio 200 Milhas, o Passeio Rota do Clássicos, a Colecção de Automóveis, Motociclos, Velocípedes e Miniaturas do Museu do Caramulo, o Air Show, uma pista de trial, concentrações de clubes, música ao vivo e três exposições temporárias, entre outras iniciativas.

Ao longo de todo o fim-de-semana, o público vai poder ainda deliciar-se com mais um clássico do Motorfestival que atrai todos os olhares: o espectáculo aéreo de aviões clássicos, que conta com modelos históricos pilotados por experientes aviadores, seja em voo de desmonstração ou acrobático.

O Museu do Caramulo é, também, uma das atra,ções do Caramulo Motorfestival, com as suas colecções permanentes de arte, automóveis, motos, bicicletas e brinquedos. O museu vai ainda apresentar um conjunto de exposições temporárias. Entre estas estará a exposição “Supercarros”, dedicada aos super e hypercars e com um alinhamento de luxo constituído por modelos raros da Ferrari, Lamborghini, Porsche, Bugatti, Mercedes-Benz ou McLaren.

Estarão ainda patentes, durante o evento, as exposições “Brinquedos do outro mundo”, dedicada aos brinquedos da era espacial e a exposição de arte contemporânea “Black Box: Potlatch”, com curadoria de Julião Sarmento, que conta com obras de seis artistas plásticos como Leonor Antunes, Juan Araujo, João Maria Gusmão & Pedro Paiva, António Bolota e Carolina Pimenta.

Encontros, passeios e concentrações

Característicos do Caramulo Motorfestival, regressam ainda os passeios e ralis de automóveis como a Rota das Clássicos, o Encontro Porsche, o Passeio Caramulo TT para veículos todo-o-terreno, o Passeio Histórico Salamanca-Caramulo e o passeio 200 Milhas, além da estreia do Passeio Abarth, que celebra 70 anos da marca italiana do escorpião.

As duas rodas também estarão representadas em peso no Encontro das Café Racers, no Encontro das Cinquenta, na concentração Vespa Caramulo, no Passeio Ducati, na Raiada do Caramulo, dedicada às bicicletas antigas e com a novidade do Encontro Mini Honda, que vai trazer um batalhão de modelos Monkey e Mini Trail, antigos e modernos.

Tal como em 2018, o Caramulo Motorfestival vai ser transmitido em directo por um canal de televisão por cabo, assim como em Live Streaming para todo o mundo via Internet. A cobertura vai abranger todo o evento, incluindo a Rampa Histórica do Caramulo, os bastidores, os sub-eventos e entrevistas aos pilotos e participantes, entre outros.

O evento é gratuito e a organização mantém a aposta numa programação abrangente e dirigida ao público em geral e às famílias em particular, que inclui atividades lúdicas, parques infantis insufláveis, gastronomia, bares e zonas chill out com música durante todo o evento. Programa completo em www.caramulo-motorfestival.com.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com