Coimbra  22 de Setembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Cantanhede: Quatro detidos por caça ilegal ao coelho-bravo

19 de Dezembro 2017

Quatro homens foram detidos por elementos da GNR do Núcleo de Protecção do Ambiente de Cantanhede, por estarem a caçar uma espécie cinegética (coelho-bravo) fora do período legal, segundo foi hoje anunciado.

De acordo com a GNR, a detenção ocorreu no dia 14, em flagrante delito, quando os quatro homens caçavam em grupo, com cães, e já tinham abatido três coelhos-bravos.

A GNR apreendeu as quatro armas de caça, as cartas de caçador e os livretes, assim como duas cartucheiras, 47 cartuchos carregados e quatro cartuchos vazios.

Os indivíduos, com idades entre os 46 e os 66 anos, foram presentes ao Ministério Público do Tribunal Judicial de Cantanhede, tendo sido condenados ao pagamento de uma multa e sujeitos a trabalho comunitário.

Por outro lado, no dia 17, elementos da GNR de Cantanhede apreenderam 175 pares de calçado e 10 peças de vestuário, na feira da Tocha, no âmbito de uma operação de combate à contrafacção, onde estiveram envolvidos 19 militares.

Segundo a GNR, foram identificados cinco indivíduos e elaborados os respectivos autos por contrafacção, imitação, venda e uso ilegal de marcas.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com