Coimbra  19 de Maio de 2022 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Cantanhede: Orquestra António Fragoso em concerto de apresentação

5 de Maio 2022 Jornal Campeão: Cantanhede: Orquestra António Fragoso em concerto de apresentação

A sede da Filarmónica de Covões foi palco do concerto de apresentação pública da Orquestra António Fragoso, constituída por jovens talentos e dirigida pelo maestro Eliseu Silva. Este projecto iniciado em 2018 – precisamente 100 anos depois do nascimento do patrono – pretende espelhar o génio que a vida ceifara ao jovem António Fragoso.

A recém-criada Orquestra resulta da comunhão e relação de grande cumplicidade entre a Associação António Fragoso e a Associação AMASING, do Porto, e tem a missão de divulgar a obra do compositor natural da Pocariça, Cantanhede, mas também obras de compositores portugueses, apresentando e gravando peças inéditas. O projecto assume, por outro lado, uma dimensão sociocultural, pois pretende dar oportunidades aos jovens artistas portugueses, muitos deles oriundos de contextos menos favorecidos.

“Há muito que o génio do compositor e músico António Fragoso reclamava uma orquestra com esta qualidade e nível musical, composta por jovens músicos tão talentosos. E poder contemplar estas peças impressionantes onde se encontram páginas surpreendentes num compositor tão jovem, só é possível graças ao trabalho notável e meritório da Associação António Fragoso que tem sido inexcedível na divulgação e promoção da obra e vida de António Fragoso” destacou Pedro Cardoso, vice-presidente da Câmara Municipal, responsável pelo pelouro da Cultura.

No concerto deste último fim-de-semana, a Orquestra lançou diversas obras de Fragoso, mas também assinalou outras efemérides – e fez-se acompanhar do conceituado pianista Manuel Araújo. A Orquestra de Cordas iniciou o concerto com a interpretação de Noturno em Si bemol menor, com um arranjo de Martim de Sousa Tavares; a entrada da Orquestra Sinfónica concretizou-se com a interpretação de Noturno em mi e, posteriormente, com a participação do pianista Manuel Araújo foi interpretada essa magistral composição Momentos 21 – Quadros Sinfónicos Fragosianos, temas de António Fragoso, num conceito e orquestração de Rui Paulo Tavares.

Apesar de estar a dar os primeiros passos, a Orquestra já cumpriu uma das suas grandes ambições: levar o nome de António Fragoso além-fronteiras, nomeadamente com a participação num concerto on-line do Festival Internacional de Música de Hong Kong, que contou com 80 mil participantes de todo o mundo.

O promotor do evento foi a Associação António Fragoso, em parceria com o Centre Européen de Musique, AMASING e Filarmónica dos Covões, e contou com o alto patrocínio do Município de Cantanhede.