Coimbra  25 de Outubro de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Cantanhede lança plataforma ‘online’ de venda de produtos agrícolas e de pecuária

9 de Maio 2020 Jornal Campeão: Cantanhede lança plataforma ‘online’ de venda de produtos agrícolas e de pecuária

O Município de Cantanhede, através do Gabinete de Apoio ao Agricultor, criou uma plataforma online de comercialização de produtos agrícolas e de pecuária locais, de forma a ajudar o desenvolvimento económico do concelho.

A plataforma “Da Terra à Mesa” “prevê a promoção e comercialização de produtos locais, incentivando o consumo de produtos agrícolas e de pecuária do concelho e ajudando ao desenvolvimento económico da região, através da promoção dos produtos produzidos localmente” e irá estar disponível na página Internet institucional do Município.

Com a iniciativa, a autarquia “prevê não só criar um circuito curto de comércio, com um contacto mais directo entre produtor e consumidor, diminuindo assim a distância entre a ‘Terra’ e a ‘Mesa’, mas também possibilitar um eficaz escoamento da produção, contribuindo para um aumento significativo da qualidade de vida dos agricultores” de Cantanhede.

“Esta estratégia assenta, também, num conceito de preservação de técnicas de produção tradicionais e ancestrais de cultivo agrícola, valorizando a diversidade e variedade de produtos locais produzidos”, adianta.

Argumenta que os alimentos a comercializar na plataforma estão “completamente adaptados ao clima, pragas e solos, exigindo por isso a aplicação de uma menor quantidade de produtos fitofarmacêuticos e fertilizantes, apresentando-se assim mais naturais, beneficiando com isso a saúde dos consumidores e o bolso dos produtores”.

Os produtores interessados em aderir à nova plataforma deverão formalizar a sua inscrição junto da autarquia, por correio electrónico ou contacto telefónico.

Obras de reabilitação do Mercado Municipal continuam

Já no Mercado Municipal continuam, “a bom ritmo”, as obras de reabilitação, um projecto que prevê um investimento de perto de 200 000 euros, beneficiando de uma comparticipação financeira da União Europeia no âmbito do PDR 2020 – Programa de Desenvolvimento Rural/2014-2020, concretamente da Medida 10 Leader – Cadeias Curtas e Mercados Locais, sob gestão da ADELO – Associação de Desenvolvimento Local Bairrada e Mondego.

As obras têm um prazo de execução de 120 dias, sendo que os principais objectivos das intervenções prendem-se com a reabilitação do espaço, nomeadamente, a colocação de uma cobertura no átrio – “estrutura que será metálica e o revestimento em chapa lacada com isolamento térmico que assegurará a protecção dos utentes relativamente às intempéries e também da exposição solar, tornando o mercado um espaço aprazível e agradável em qualquer altura do ano”, revela a autarquia.

Estão previstas, ainda, intervenções na drenagem de águas pluviais no perímetro do pátio interior, a abertura de um vão com escada para interligar o mercado municipal e o pavilhão de peixe, contemplando também a pintura da fachada principal e das restantes paredes, assim como a renovação das instalações sanitárias.

De forma a criar de boas condições e a facilitar o acesso às instalações a utentes com de mobilidade reduzida, está prevista uma rampa exterior de acesso.

Com as obras de recuperação pretende-se, assim, “recuperar e revitalizar um local essencial para sector comercial da cidade, assim como modernizar e criar melhores condições para os comerciantes desenvolverem a sua actividade, reforçando a sua atractividade”.

De acordo com Helena Teodósio, este “é um projecto fundamental e de grande importância para a cidade. O Mercado Municipal necessitava já há muito de ser reabilitado para que possa voltar a ser dotado de condições que permitam que seja efectivamente um polo de atracção comercial e de fomento do comércio local na cidade de Cantanhede”.

“Num tempo em que as instituições públicas têm que dar sinais positivos à economia, esta intervenção traz um novo alento a todos os comerciantes e utentes”, reforça Helena Teodósio.

O Mercado Municipal, pese embora as condicionantes decorrentes das obras de reabilitação, mantém a sua actividade diária, em horário normal. Destaque, ainda, para a implantação de um projecto de dinamização da agricultura local, com a realização de um mercado semanal, que se concretiza todos os sábados e que conta com presença dos pequenos agricultores do concelho, onde podem encontrar uma enorme variedade de flores e produtos hortícolas com produção local.

Obras reabilitação Mercado Cantanhede