Coimbra  16 de Dezembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Canforeira centenária da Agrária em terceiro lugar na “Árvore do Ano”

3 de Dezembro 2019

No concurso para eleger a “Árvore do Ano” de Portugal, a canforeira de Bencanta, localizada na Escola Superior Agrária de Coimbra (ESAC) e com 167 anos, conseguiu conquistar o terceiro lugar.

Com 1 252 votos, a ‘Canforeira de Bencanta’ é a “maior de Portugal e muito possivelmente da Europa, com 28 metros de altura e um perímetro de tronco de nove metros”, revela a nota explicativa do concurso.

“Com umas dimensões notáveis, constitui uma referência na paisagem para quem viaja de comboio vindo do Sul. A cidade do Mondego e dos estudantes é anunciada por este magnífico exemplar que terá chegado à Europa depois da Rota do Cabo ter permitido a introdução de novos produtos como o chá, o café, o tabaco, a canela, e claro está da cânfora”, pode ler-se na página do concurso.

Esta canforeira foi submetida ao concurso por Raquel Lopes.

Em primeiro lugar, com 1 851, ficou o “Castanheiro de Vales”, com 1 000 anos e situado em Vila Pouca de Aguiar; já na segunda posição ficou a árvore mais antiga de Portugal – “Oliveira do Mouchão”-, com 3 350 anos e situada em Abrantes, com 1 494 votos.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com