Coimbra  13 de Maio de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Câmara diz que Coimbra vai ter uma companhia profissional de dança antes de 2027

15 de Abril 2021 Jornal Campeão: Câmara diz que Coimbra vai ter uma companhia profissional de dança antes de 2027

O presidente da Câmara de Coimbra, Manuel Machado, afirmou que a cidade vai ter uma companhia profissional de dança antes de 2027, ano em que o concelho pretende ser Capital Europeia da Cultura (CEC).

“Temos procurado desenvolver toda esta acção [a candidatura à CEC 2027], procurando consensos e acrescentos, incluindo a dança. A dança foi uma das ideias que surgiu” – disse Manuel Machado, na quarta-feira, que falava aos jornalistas à margem da apresentação oficial da imagem da candidatura de Coimbra.

“Está previsto uma iniciativa para a criação da companhia profissional de dança e, em breve, daremos conta do desenvolvimento do processo. É uma das áreas que precisa de ser reforçada” – notou.

O próprio “Pacto de Cidade” para a candidatura de Coimbra a CEC 2027, um documento aprovado por unanimidade pela Assembleia Municipal, aponta como uma das fragilidades do concelho a ausência de uma companhia de dança profissional.

Manuel Machado chamou ainda a atenção para o Conservatório de Música de Coimbra, que conta com oferta educativa na área da dança, salientando que também estão a depositar “uma grande esperança” nos jovens formados nessa instituição.

Em conversa com os jornalistas, o presidente da Câmara de Coimbra realçou que a candidatura é “agregadora”, em que todos “têm lugar para participar e trazer ideias novas e acrescentar”.

“2027 é apenas uma data. Para nós, interessa a viagem que estamos a fazer em conjunto. Há o desafio de pensar para além de 2027. Houve outras experiências que a Capital Europeia da Cultura foi um ‘happening’ e depois fechou” – constatou o autarca.

O coordenador do grupo de trabalho da candidatura, o mágico Luís de Matos, recusou-se a divulgar algumas das linhas gerais daquilo que será o documento a apresentar em novembro, referindo que continuam a ouvir pessoas e a discutir propostas.

“Não consigo destacar ideias nem é o momento para as destacar. O grupo de trabalho sempre marcou a agenda da candidatura e nunca permitiu que fosse nem o poder político nem o poder informativo a marcar a agenda da candidatura” – asseverou.

A imagem da candidatura de Coimbra a CEC 2027 foi escolhida a partir de um concurso público lançado pelo Município, que contou com mais de uma centena de concorrentes, com criadores de norte a sul do país.